Conecte-se conosco

Destaques

Ação Tentáculos é desencadeada em todas as zonas de Manaus

Avatar

Publicado

em

A Polícia Militar do Amazonas deu continuidade na Operação Águia, com a Ação Tentáculos, no último final de semana.

A Operação teve seu início a partir do Comando de Policiamento Especializado (CPE) e deslocou-se para a zonas com maiores índices criminais da capital, visando intensificar o policiamento em pontos sensíveis daquelas localidades.

A Operação contou com efetivo do CPM e unidades subordinadas (Cicoms e CPA’s), efetivos especializados do 1º Batalhão de Choque (CHOQUE), Rondas Ostensivas Cândido Mariano (ROCAM), Companhia de Operações Especiais (COE), Grupamento de Manejo de Artefatos Explosivos (MARTE) , Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCÃES) e Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTRAN), e também com o Comando de Policiamento Ambiental.

Durante a ação foram realizadas barreiras de trânsito, abordagens a coletivos, veículos de duas e quatro rodas e pessoas, saturação e incursões nas localidades com maiores índices de ocorrências, visando aumentar a segurança da população.

 

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Suzane von Richthofen é aprovada no Sisu para curso de gestão de turismo em Campos do Jordão

Avatar

Publicado

em

Por

Suzane Von Richtofen, condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, foi aprovada no vestibular para o curso de Gestão de Turismo pelo Instituto Federal de São Paulo no Campus de Campos do Jordão (SP). A detenta conseguiu a aprovação pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que usa a nota do Enem.

A lista dos aprovados pelo sistema foi divulgada nesta quarta-feira (29). Suzane aparece em oitavo lugar na lista, com nota 608,42.

O curso é noturno, na modalidade presencial, e ofertado em Campos do Jordão. As aulas acontecem das 19h às 22h40 na cidade que fica a cerca de 40 quilômetros da Tremembé, onde cumpre pena.

Continue lendo

Amazonas

Casa do presidente dos rodoviários é assaltada e quantia de R$ 200 mil é roubada

Avatar

Publicado

em

Por

Na manhã desta quarta-feira(30), a casa do Presidente dos Rodoviários, Givancir de Oliveira foi assaltada em Iranduba, município distante 27 quilômetros de Manaus. Segundo informações os assaltantes levaram uma quantia na faixa de R$ 200 mil reais em especie de dentro de um cofre.

Givancir não estava na casa no momento da invasão, mas a filha dele e uma outra pessoa estavam e foram amarradas e trancadas em um dos quartos. O grupo roubou vários objetos de valor e fugiu levando um carro.

 

 

Continue lendo

Destaques

Filha é presa suspeita em caso de família encontrada carbonizada

Avatar

Publicado

em

Por

A filha mais velha do casal encontrado carbonizado dentro de um carro em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, na manhã desta terça-feira (28), foi presa junto com a namorada e é a principal suspeita do crime. O filho mais novo, de 15 anos, também foi encontrado morto no veículo. A polícia suspeita que a motivação do crime tenha sido a herança da família.

As duas suspeitas passaram a noite prestando depoimento e, nesta quarta-feira (29), foram encaminhadas ao IML (Instituto Medico Legal) de São Bernardo do Campo, onde realizaram o exame de corpo de delito. Em seguida, foram conduzidas ao 7º DP (Lapa), onde ficarão recolhidas temporariamente. Lucas Domingos, advogado da dupla, afirma que as suspeitas negam qualquer tipo de participação no crime.

A jovem, de 24 anos, morava com a companheira, de 31 anos, e havia visitado a família em um condomínio, em Santo André, na noite em que o crime aconteceu. O circuito de câmeras de segurança do local em que o casal e o filho moravam está sendo analisado pela polícia e foi comprovado que o carro da família saiu de lá acompanhado por outro veículo por voltas das 23h30 da noite do crime.

Os corpos do casal e do adolescente foram encontrados carbonizados no porta-malas do carro da família, um Jeep Compass, na Estrada do Montanhão, uma área de mata. Um laudo preliminar aponta que a família foi morta a golpes de pauladas.

Na primeira visita da polícia à casa onde a família morava, os agentes encontraram o imóvel revirado, além de marcas de sangue pelos cômodos. Em depoimento, a suspeita mencionou um possível envolvimento com agiotas, mas a Polícia Civil já tinha como uma das linhas de investigação uma possível briga familiar.

Fonte: Portal R7

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas