Conecte-se conosco

Cidades

Aspirante PM Molaz é homenageado por escrever sua história no II Coesp/PMAL

Avatar

Publicado

em

Muitos tentam, enquanto outros sonham, mas poucos conseguem concluir o Curso de Operações Especiais (Coesp) promovido pela Polícia Militar do Estado de Alagoas, através do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (BOPE). É o caso do aspirante PM Anderson Molaz Ferreira, 33, que integra o quadro da Polícia Militar do Amazonas.

Aspirante PM Molaz – Foto: divulgação

Foram 41 alunos dos estados de Alagoas, Mato Grosso do Sul, Acre, Tocantins, Amazonas, Sergipe e Ceará que deram início ao curso no dia 15 de junho deste ano. Após 116 dias de instruções e atividades, o aspirante PM Molaz – juntamente com mais 12 alunos – conseguiu concluir o curso e, finalmente, alcançar o seu objetivo.

No Coesp, os alunos tiveram instruções em Alagoas, na Caatinga de Pernambuco e em cidades da Bahia (Lençóis e Salvador). Nos respectivos locais, dentre tantas atividades, os discentes passaram pelos módulos de montanhas, antibombas, paraquedismo, ações táticas verticais e entrada tática, além de sobrevivência, mergulho e explosivos – com instrutores das polícias de cada estado que acolheu o curso (Paraná, Rio Grande do Norte e Mato Grosso).

Currículo do PM

O aspirante Molaz possui em seu currículo como PM os seguintes cursos:

2004 – Curso Técnico em Segurança Pública (PMMG)

2004 – Soldado da Polícia Militar de Minas Gerais

2011 – Força Nacional

2012 – Curso de Formação de Oficiais (Manaus-AM)

2016 – Boina Vermelha

2016 – Rocam (COR)

2017 – Curso de Operações Especiais (Coesp – PMAL)

Coesp

O Coesp alagoano está em sua segunda edição e é um curso de excelência para as Operações Especiais – com instruções que colocam os discentes em situações extremas, a fim de melhorar o condicionamento físico e qualificá-los em diversas áreas – com situações que, porventura, possam surgir no cotidiano operacional. Logo, o concludente do Coesp está habilitado a atuar em qualquer área, seja na terra, no mar, no ar, na Caatinga ou na montanha.

Formatura

A formatura do Coesp acontecerá às 16h desta sexta (20), na sede do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), em Maceió. Durante o evento, os 13 concludentes receberão os brevês do curso, além de premiações.

*Com informações do site da PMAL

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Falta de oxigênio mata 6 pessoas da mesma família em 24 horas

Avatar

Publicado

em

Por

Em menos de 24 horas, seis integrantes de uma mesma família moradora do distrito Nova Maracanã, da zona rural do município de Faro, no oeste do Pará, morreram com sintomas da covid-19. Bisavó, avó, avô, mãe, pai e um tio não resistiram muito tempo após complicações respiratórias. A Unidade Básica de Saúde (UBS) da comunidade não tinha cilindros de oxigênio em número suficiente.

O município entrou em colapso na segunda-feira (18) por falta de oxigênio. A informação foi confirmada no início da tarde desta terça-feira (19) pelo secretário municipal de Meio Ambiente de Faro, Arthur Brasil. Um sétimo membro da família está internado na UBS também com sintomas de Covid-19.

Diante do aumento do número de casos suspeitos de Covid-19 em Faro, o prefeito Paulo Carvalho (PSD) fez um apelo às prefeituras de municípios vizinhos e também a empresários, e nesta terça recebeu 20 cilindros de oxigênio que serão divididos entre a UBS Morumbi, na cidade, e UBS de Novo Maracanã, que funcionarão como centros de atendimento a pacientes infectados pelo novo coronavírus.

Parte dos cilindros adquiridos em Santarém já foi enviada de lancha para o distrito Novo Maracanã. A operação é acompanhada pelo secretário Paulo Carvalho.

Fonte: G1

Continue lendo

Amazonas

Durante a madrugada, Governo do Estado recebe oxigênio para hospitais de Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Divulgação

A Força Aérea Brasileira (FAB) desembarcou, na madrugada desta sexta-feira (15), 6 mil litros de oxigênio líquido da empresa White Martins, fornecedora do Governo do Estado. A carga, que veio de São Paulo, veio em 6 isotanques de mil litros e vai ser distribuída nos hospitais da rede estadual pela manhã.

Os insumos estão sendo transportados ao longo da semana da cidade de Guarulhos (SP) e chegarão a 22 mil metros cúbicos de oxigênio.

Uma força tarefa do Executivo Estadual e do Ministério da Saúde atua desde a semana passada em uma operação conjunta para viabilizar a chegada de oxigênio da White Martins de outros lugares. O plano mantém uma ponte aérea entre São Paulo e Manaus enquanto houver necessidade de abastecimento da rede.

Além da quantidade desta madrugada, outros 200 cilindros chegaram na terça-feira (12) e uma remessa de 150 cilindros foi entregue na última quarta-feira (13/01). Outros 25 mil metros cúbicos em isotanques também estão na programação de voos desta semana da FAB, partindo do aeroporto de Guarulhos.

Desde a última sexta-feira (08/01), a força-tarefa sob o comando da Defesa Civil do Amazonas atua no transporte de oxigênio de Belém, Brasília e Guarulhos.

Apreensões e solidariedade

Também na quinta-feira, duas operações das Forças de Segurança do Estado apreenderam cilindros de oxigênio que foram distribuídos às unidades.

Em uma delas foram apreendidos 26 cilindros carregados de oxigênio e sete vazios. As cápsulas foram distribuídas para quatro unidades de saúde da rede estadual – Hospital Beneficente Português, Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), SPA do São Raimundo e SPA do Coroado.

Numa segunda operação, à noite, foram apreendidos 45 cilindros, 28 deles carregados e 17 vazios. O material estava em uma embarcação no Porto de São Raimundo. As cápsulas foram distribuídas em sete unidades.

Solidariedade

Uma ação solidária de um grupo de amigos voluntários que adquiriram cilindros de oxigênio também ajudou a garantir o insumo em algumas unidades durante a noite.

 

*Com informações de assessoria

Continue lendo

Cidades

Enfermaria de campanha começa a ser montada no hospital Delphina Aziz

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Carlos Soares / SSP-AM

O Amazonas recebeu na quinta-feira (14/01) mais de 20 toneladas de material para instalação de uma enfermaria de campanha, que funcionará na área externa do Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Delphina Aziz. O trabalho é uma ação integrada entre o Governo do Estado, Governo Federal e Forças Armadas.

Os primeiros contêineres descarregados na quinta-feira continham tendas, leitos, macas, equipamentos hospitalares e instrumentos para montagem de uma miniusina de oxigênio para atender a nova estrutura.

Quando finalizada, a enfermaria de campanha contará com 60 leitos clínicos. Equipes do Exército realizam a montagem da estrutura desde a tarde de quinta-feira, com previsão de entrega no início da próxima semana.

Com a nova estrutura, o objetivo é aumentar a oferta de atendimentos na unidade de saúde, devido ao crescimento no número de internações no estado. Os leitos serão instalados em módulos de hospitais de campanha do Exército e Aeronáutica.

A estrutura dos leitos de enfermaria será disponibilizada e montada pelo Governo Federal, e a gestão dos profissionais será feita pelo Governo do Amazonas, em parceria com o Ministério da Saúde. O titular da SES-AM, Marcellus Campêlo, ressaltou o apoio do Governo Federal nas ações para reforçar os atendimentos na pandemia, classificando como fundamental.

“Essa força que estamos tendo do Ministério da Saúde, Sírio-Libanês, da Força Nacional, com as nossas equipes de saúde, vai tornar a nossa rede mais preparada, inclusive, para quando terminar esse período mais crítico da pandemia, conseguirmos ter uma rede coesa, forte e também conectada com o município de Manaus”, ressaltou Campêlo.

 

*Com informações de assessoria 

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus