Conecte-se conosco

Destaque

Candidato a vereador, Capitão Carpê realiza 1ª caminhada na Compensa

Avatar

Publicado

em

Capitão Carpê (Republicanos) e apoiadores durante a 1ª caminhada como candidato a vereador pelas ruas da Compensa - Foto: Ítalo Sena

Na tarde desta quarta-feira (14), o candidato a vereador pelo Republicanos, Capitão Carpê Andrade, realizou a sua 1ª caminhada da campanha eleitoral deste ano. Carpê percorreu diversas ruas da comunidade Vila Marinho, bairro Compensa, zona oeste de Manaus, e recebeu diversos gestos de carinho e apoio à sua candidatura a uma das 41 vagas na Câmara Municipal de Manaus (CMM).

A caminhada teve início na Avenida Coronel Cyrillo Neves, e seguiu por várias ruas da Vila Marinho. Junto a Carpê, diversos apoiadores estiveram presentes na ação. Com bandeiras, faixas e “santinhos” nas mãos, a equipe cantou os ‘jingles” que embalam a campanha do Capitão nesta eleição e com bastante entusiasmo bradou palavras de apoio ao candidato.

Apoiadores agitam as bandeiras durante a caminhada. Foto: Ítalo Sena

Durante o trajeto, foram comuns as manifestações de apoio e carinho ao candidato. Foi comum encontrar eleitores, amigos e vizinhos emocionados com a passagem de Carpê pelas ruas. Pessoas de diferentes idades iam ao seu encontro e o abraçavam, mostrando respeito e admiração pelo trabalho desenvolvido não somente como policial militar, mas também como alguém que sempre se dispôs a ajudar as pessoas carentes da região.

Foi comum as pessoas saírem de suas casas e irem ao encontro do candidato. – Foto: Ítalo Sena

Compensa

Natural de Eirunepé, mas residente em Manaus desde 1996, foi no bairro da Compensa que, o então jovem Carpegiane Andrade cresceu, estudou e trabalhou. Ao percorrer as ruas do bairro que o acolheu, Capitão Carpê, agora como candidato a vereador, não escondeu a emoção e a alegria ao receber tantos gestos de afeto e apoio.

“Cara, é muito legal, empolgante e nostálgico andar pelas ruas deste lugar. Aqui conheci muitas pessoas, fiz inúmeros amigos. E foi aqui que comecei a mudar a minha realidade de vida e a realidade de vida da minha família, não tem como não se contagiar com todo o carinho que tenho recebido deste bairro de tanta gente decente, honesta e trabalhadora, durante este difícil período eleitoral”, disse o Capitão Carpê.

Capitão Carpê (Republicanos) recebendo o carinho e apoio dos moradores da Vila Marinho, bairro Compensa. – Foto: Ítalo Sena

Perspectivas

Apontado como favorito a uma das 41 vagas da Câmara Municipal de Manaus (CMM), o Capitão Carpê, como ficou conhecido nas redes sociais por seu trabalho como policial e por diversos trabalhos de cunho social, falou também sobre suas perspectivas, caso seja eleito vereador nas eleições de 15 de novembro deste ano.

“Nós estamos aqui caminhando em busca de um futuro melhor para a nossa cidade, estado e país. Eu acredito que posso, sim, ser a mudança que a população precisa. Enquanto ficamos discutindo sobre “politicagem’, as decisões estão sendo tomadas no país e, independente de quem está lá no momento, estão decidindo contra a sociedade. Posso até ser voto vencido dentro do parlamento, mas minha voz nunca será calada”, finalizou o candidato.

Capitão Carpê ao lado da mãe e das irmãs. – Foto: Ítalo Sena

 

*Revisão: Narel Desiree

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Mulher é obrigada pelo ex a gravar vídeo sendo violentada no litoral de SP

Avatar

Publicado

em

Por

Avenida das Palmeiras, em Itanhaém (SP), onde o homem foi encontrado pela polícia — Foto: Reprodução

Neste domingo (18), um homem de 39 anos, que não teve o nome divulgado, foi preso em flagrante por estuprar e manter a ex-namorada, uma jovem de 23 anos, em cárcere privado por cinco dias em Itanhaém, no litoral de São Paulo. A jovem foi obrigada a gravar um vídeo enquanto era estuprada e a dizer que merecia tudo o que estava passando.

Segundo a Polícia Civil informou ao G1 nesta terça-feira (20), o ex-companheiro gravava todos os estupros que cometia contra a mulher. O filho da vítima, de 5 anos, também estava no cativeiro e presenciou os estupros. O suspeito está preso.

As imagens já estão sob posse da Polícia Civil, que irá anexá-las ao inquérito que investiga o caso. De acordo com o que foi apurado pelo G1, os vídeos eram todos gravados pelo suspeito no celular da mulher, já que ele não tinha aparelho telefônico.

Além dos vídeos dos estupros, a polícia achou um vídeo em que o agressor a obriga a vítima a dar depoimento justificando porque ela estava sendo mantida em cárcere. Nas imagens, a mulher foi coagida a dizer coisas ruins de sua personalidade, humilhar-se, justificar o que estava vivendo e afirmar que merecia toda a situação. Ela também era constantemente xingada pelo suspeito.

Segundo o que foi relatado pela polícia, a tática do agressor era fazer parecer que ele era a vítima, por isso fazia a ex-namorada se sentir moralmente baixa e dizer coisas negativas sobre si.

A Polícia Civil relatou que na gravação o rapaz afirmou que mandaria o vídeo para conhecidos. Os investigadores ainda acreditam que o homem seja de uma facção criminosa, por algumas referências que fazia no vídeo.

Sequestro e cárcere

A vítima, que é de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, viajou para o litoral no dia 9 de outubro, a convite de uma amiga, para passar o fim de semana em Mongaguá. Ao chegar à cidade, foi surpreendida pelo ex-namorado, com quem tinha tido um relacionamento por seis meses.

Segundo a polícia, o homem a segurou pelo cabelo, arrastou-a para um veículo e a levou, junto com o filho, para uma casa no bairro Chácara São Fernando, em Itanhaém. Lá, os dois foram mantidos trancados, e a mulher foi obrigada a manter relações sexuais com o ex-namorado.

Cinco dias depois, a jovem conseguiu escapar e avisou a polícia, que, na sexta-feira (14), prendeu o homem e libertou a criança, que permanecia na casa.

A Polícia Civil informou ao G1 nesta terça-feira que o suspeito segue preso. Logo após o flagrante, as autoridades policiais realizaram o pedido da medida protetiva para a vítima e solicitação de assistência social psicológica a ela e o filho.

*Fonte: G1

Continue lendo

Destaque

Em Manaus, 38 pessoas são presas e 16 armas retiradas de circulação

Avatar

Publicado

em

Por

Prisão de 38 pessoas durante ocorrências distintas. (Foto: Divulgação/SSP)

As ações da Polícia Militar do Amazonas (PMAM) entre a sexta-feira (16) e a madrugada desta segunda-feira (19), em Manaus, resultaram na prisão de 38 pessoas durante ocorrências distintas, em 27 bairros da cidade. Além das prisões, também foram apreendidos nove adolescentes, 1.013 porções de entorpecentes, dinheiro, oito balanças de precisão, celulares e um rádio comunicador. Também foram retiradas de circulação 16 armas de fogo.

A maioria das prisões está relacionada ao tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Também houve prisões por roubo, estupro, receptação e embriaguez ao volante.

Três homens, de 24, 30 e 54 anos, foram presos por policiais da Força Tática por tráfico de drogas e por porte irregular de arma de fogo. O trio foi abordado na avenida Itaúba, zona leste de Manaus, em um veículo. Eles foram flagrados com duas armas de fogo, munição, porções de entorpecentes e duas balanças de precisão.

Em outra ocorrência, quatro armas de fogo, sendo uma metralhadora, dois revólveres e uma pistola, 34 munições e R$ 569 em espécie foram apreendidos pela Força Tática na rua das Araras, no bairro Cidade de Deus. Na ação, dois homens, de 24 e 54 anos, foram presos. A prisão ocorreu após denúncia de que um indivíduo estava armado e fazendo a segurança de uma casa. No local, o suspeito foi identificado e flagrado com uma pistola na cintura. Aos policiais ele apontou a localização do comparsa, que estava em um veículo, onde foi encontrada a submetralhadora. As outras duas armas foram encontradas no imóvel.

 

*Com informações de assessoria

Continue lendo

Destaque

PM prende 17 pessoas e apreende entorpecentes no interior do AM

Avatar

Publicado

em

Por

Polícia

Durante o final de semana, a Polícia Militar do Amazonas (PMAM) prendeu 17 pessoas em municípios do interior do estado. Ocorrências de crimes de tráfico de drogas, homicídio, porte ilegal de arma de fogo, roubo, furto, violência doméstica e receptação foram registradas em 11 municípios.

Durante as diligências, os militares apreenderam seis tabletes e 98 porções ou trouxinhas de drogas, três armas de fogo, dois aparelhos celulares e dinheiro. Duas motocicletas com restrição de roubo foram recuperadas.

Em Parintins, distante 369 quilômetros da capital amazonense, seis tabletes de maconha foram apreendidos em uma balsa oriunda de Manaus, nesta segunda-feira (19/10). Conforme a Polícia, a droga foi encontrada por cães farejadores dentro de um bebedouro.

Em Boca do Acre, a 1.028 quilômetros de Manaus, militares da 5ª Companhia Independente de Polícia Militar prenderam três pessoas, em diferentes localidades do município, por tráfico de drogas. Durante as ocorrências, foram apreendidas porções de pasta base de cocaína e maconha, além de um aparelho celular.

 

*Com informações de assessoria

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus