Conecte-se conosco

Destaque

Clube amazonense é denunciado por suposta tentativa de suborno em jogo da Copa do Brasil

Publicado

em

Copa do Brasil

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva recebeu uma denúncia a respeito de uma tentativa de manipulação de resultado na partida entre Manaus e CSA-AL, realizada no dia 7 de fevereiro, pela primeira fase da Copa do Brasil, em que o placar terminou empatado em 2 a 2 e favoreceu a equipe de Alagoas, que avançou de fase.

No caso, o próprio árbitro principal do confronto, Vanderlei Soares de Macedo, procurou a CBF dois dias antes do jogo e revelou uma suposta proposta de R$ 20 mil para favorecer a equipe amazonense. O responsável teria sido o auxiliar de fisioterapia do Brasiliense, Pedro Crema.

Além de Crema, outros profissionais foram denunciados. São eles: os assistentes do duelo, Lucas Torquato Guerra e Marconi de Souza Gonçalo, do Distrito Federal, o quarto árbitro Ivan da Silva Guimarães, o analista de campo Raimundo Nonato da Silva e o delegado da partida, Lázaro Dangelo Pinheiro, do Amazonas, além do presidente do Gavião do Norte, Giovanni Alves Silva. Todos enquadrados nos Arts.241 e 243-A e artigo 62 e 69 da FIFA na forma do Art.183

O julgamento do caso ocorreu no dia 11 de maio e, de acordo com o edital divulgado, apenas Pedro Crema foi suspenso até o momento. O membro da comissão técnica do Jacaré foi afastado por 365 dias de qualquer atividade ligada ao futebol, além do pagamento de uma multa de R$ 10 mil.

A pena foi de encontro com os votos do auditor Dr. José Nascimento, que o suspendia por dois anos, mais a multa de R$20 mil, e do presidente da comissão, Rodrigo Raposo, que pediu o afastamento de um ano e meio, mais a multa de R$15 mil.

O presidente do Manaus, Giovanni Silva, alega inocência e que foi pego de surpesa com essas denúcias. Acrescenta que a manipulação pode estar envolvida com algum site de apostas. O caso, porém, vai ser investigado pelo Ministério Público de Brasília, que acredita que o suborno faz parte de um esquema maior.

Vale ressaltar que, com a classificação à segunda fase, o Manaus arrecadaria R$ 600 mil, além da receita da partida contra o São Paulo.

”Até nós fomos pegos de surpresa. Particularmente, até agora eu não entendi. Alguém queria beneficiar o Manaus, sem falar conosco. A gente não entendeu. Se o juiz veio intencionado em favorecer, o que a gente viu foi outra coisa. Nós fomos informados, pois STJD notificou que o clube e profissionais da Federação Amazonense seriam julgados. Isso foi estranho, porque a gente tinha problemas com a arbitragem. No jogo contra o Paysandu, tivemos, no mínimo, dois pênaltis claros e um impedimento que não existia. Foi quando o Mitoso trouxe à tona o caso. Mas graças a Deus deu certo neste julgamento do STJD. Eu não sei o porquê ele (Pedro Crema) fez isso. Não chegamos a entrar em contato porque a gente não conhece ninguém de lá. A única coisa que passa pela nossa cabeça são apostas de sites, particularmente eu já vi isso, e vi também o Manaus configurado nestes sites. Algumas vezes o Manaus aparecia como uma proporção maior, como favorito. Ele estava neste site de aposta até no jogo com o Rio Branco, inclusive ele era novamente um dos favoritos”, disse.

Investigação

O STD encaminhou o caso para uma investigação do Ministério Público do Distrito Federal, haja vista que, segundo os depoimentos dos envolvidos, a compra do resultado foi combinada. Em depoimento, Pedro Crema confirmou que tentou subornar o árbitro da partida, Vanderlei Soares de Macedo, a mando do Paulo Henrique, diretor de futebol do Brasiliense.

No relato do árbitro, ao detalhar os acontecimentos, Vanderlei afirmou que, caso aceitasse o suborno, uma pessoa se encarregaria de entregar o valor no aeroporto de Manaus. Diante dos fatos, a Procuradoria solicitou instauração de inquérito para tentar identificar todos os envolvidos no esquema e quem seria a pessoa responsável pela entrega desse suborno.

*Informações da fonte: Globo Esporte

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Vereador Capitão Carpê acompanha o Prefeito de Manaus em visita na Assembleia Legislativa para tratar sobre armamento da Guarda-Municipal

Publicado

em

Por

O vereador Capitão Carpê Andrade (Republicanos) acompanhou o prefeito de Manaus, David Almeida, em uma conversa nesta quarta-feira (9), com o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado Roberto Cidade, para tratar sobre a PEC que viabilizará o armamento da Guarda-Municipal a fim de permitir que os municípios possam armar suas guardas.

“Vamos buscar de forma emergencial preparar, armar e equipar nossa guarda. Essa decisão é proveniente da série de ataques a patrimônios públicos ocorridos neste fim de semana. Iremos até o fim dessa luta, e vamos conseguir!” Afirmou o vereador.

O parlamentar que preside a primeira Comissão Técnica de Segurança Pública Municipal solicitou logo nos primeiros dias de mandato concurso público para a guarda que dispõe de um efetivo de 434 servidores para fazer a segurança patrimonial da cidade de Manaus. O número além de insuficiente, expõe ainda mais os guardas que carecem de melhor renumeração, condições de trabalho e outras necessidades.

“Nossa guarda está sucateada, é necessário reorganizar com urgência. Precisamos de uma guarda mais forte, armada, preparada e treinada não apenas para proteger o patrimônio, os guardas municipais exercem uma missão nos serviços de segurança pública para combater a violência e resguardar a vida do cidadão”, finalizou o Capitão.

Informações Assessoria

Continue lendo

Destaque

Imprensa mundial chama presidente argentino de “racista” e “vergonha”

Publicado

em

Por

Os periódicos da Argentina e do mundo não pouparam críticas ao presidente Alberto Fernández após o mandatário afirmar, na quarta-feira (9/6), que os “mexicanos saíram dos índios, brasileiros saíram da selva, mas nós, os argentinos, chegamos de barcos que vinham da Europa. E assim construímos nossa sociedade”.

O comentário foi considerado “infeliz” e “desastroso”; e Fernández, uma “vergonha” e “racista”.

O jornalista Eduardo Feinmann, do La Nación, destacou que as declarações de Alberto Fernández foram uma “vergonha nacional”. Para o apresentador, o presidente argentino é o “filósofo racista do século 21″. “É extremamente racista com os brasileiros e com os mexicanos”, assinalou ele.

Com informações: Metrópoles

 

Continue lendo

Destaque

Vereador Capitão Carpê denuncia vandalismo em quadra de esporte na Compensa 

Publicado

em

Por

Na noite desta quinta-feira (03), o vereador Capitão Carpê Andrade (Republicanos) usou suas redes sociais para denunciar atos de vandalismo contra o patrimônio público praticado em uma quadra de esportes localizada no conjunto Aruanã, Bairro Compensa 2.

“Estive no local para verificar a situação, infelizmente se encontra sem iluminação, levaram toda a fiação, sem portões, depredada. Uma obra que foi entregue recentemente isso é inaceitável”, disse o vereador.

O parlamentar que também é Presidente da Comissão de Segurança Pública Municipal solicitou que providências enérgicas preventivas e repressivas sejam tomadas com urgências nesses locais como Guarda-Municipal armada e preparada.

 

“Muitas vezes a administração pública constrói e investe em bens público em prol da sociedade e esses vândalos destroem. A Comissão de Segurança Pública Municipal deve e irá agir, não vou me calar, jamais permitirei que esses desocupados cometam atos de vandalismo na nossa cidade”, finalizou o Capitão.

 

O parlamentar ressaltou que quem comete esse ato de destruição do patrimônio deve ser punido e responsabilizado pelo dano causado.

Informações Assessoria

Foto: Ítalo Sena

 

 

 

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus