Conecte-se conosco

Cidades

De 35% de reajuste dos professores, Amazonino oferece apenas 4,57%

Publicado

em

Alegando que os cofres do Estado estão escassos, o atual governador Amazonino Mendes, numa tentativa de negociar com os professores, propôs um reajuste de 4,57% à data base de 2017 da categoria. Sem correção na folha, há quatro anos, os docentes pedem 35% de recomposição e afirmam que a proposta do governo não chega nem de perto a metade dos 50% do requerido.

Com base nos cálculos de um salário de um professor de 40 horas aulas semanais, que hoje é R$ 3.269,49 – um secretário de Estado ganha hoje R$ 15 mil -, o reajuste proposto por Amazonino seria de R$ 149,41 por mês. Nessa medida, um professor com apenas uma cadeira de 20 horas semanais, a reposição proposta equivale somente a R$ 74,70. Já para um docente com cadeira de 60 horas por aula, o reajuste seria de R$ 224,11 – um valor quase R$ 100 a menos que a média mensal de uma cesta básica, em Manaus.

Para os policiais militares, o governador concedeu 8% e ainda vai parcelar outros 22%. Na tentativa de ludibriar os professores, segundo os docentes, ele ofereceu ainda como ganho uma taxa de 10% do abono mensal do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), além de um repasse excedente de receita no contracheque, de 11,5% ao ano – o que, em ganhos percentuais somados, daria 26%.

No entanto, os professores classificam esse total percentual como enganoso, uma vez que o abono mensal do Fundeb – que para um professor de 40 horas por aula, daria R$ 326,94 – tem um prazo para cessar e, por outro lado, ele não entra na conta da aposentadoria.

Outro questionamento da categoria é em relação ao tal excedente de receita no contracheque. O tal benefício agregado é classificado como um “gatilho” para corrigir perdas salariais. Isso se explica pelo fato de os 11,5% ao ano corresponder a apenas 0,96% ao mês.

Nessa conta, no contracheque do docente, entra apenas R$ 31,33 mensais, ou seja, pouco mais do cartão “Direito a Vida”, que Amazonino criou quando governador, em meados dos anos 1990.

No ano passado, como o governador interino do Amazonas, David Almeida abriu a caixa preta dos recursos da educação do Estado. Nela, ele viu que os professores e pedagogos da ativa, da rede estadual de ensino, tinham direito ao recurso do Fundeb da ordem de R$ 246 milhões.

Conforme a assessoria do parlamentar, David pagou duas parcelas em setembro de 2017, que garantiu na conta da categoria um abono de até R$ 21 mil. Só não pagou todas as quatro parcelas para não ferir a Lei de Responsabilidade Fiscal. Porém, antes de sair do governo, o deputado estadual deixou encaminhado o pagamento das duas últimas parcelas, com recurso em caixa.

*Com informações da assessoria

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Nível do Rio Negro volta a subir em Manaus e bate novo recorde

Publicado

em

Por

Após permanecer estável nos 30 metros por nove dias e registrar até uma pequena baixa de um centímetro, o nível do Rio Negro voltou a subir em Manaus.

Nesta quarta-feira (16), o nível do rio chegou aos 30,02 metros. É a maior marca da história desde o início dos registros, em 1902.

De acordo com o boletim da Defesa Civil, em todo o Amazonas, mais de 455 mil pessoas foram atingidas pela cheia.

Prédio da alfândega, no Centro histórico de Manaus, durante cheia de 2021. — Foto: Ricardo Balby

Continue lendo

Cidades

Após a maior cheia da história, nível do Rio Negro começa a baixar em Manaus

Publicado

em

Por

Após permanecer estável nos 30 metros por nove dias, desde 5 de junho, o Rio Negro começa a baixar em Manaus. Nesta segunda-feira (14), o nível do rio baixou 1 centímetro para 29,99 metros. A marca dos 30 metros em Manaus foi a maior da história desde o início dos registros, em 1902.

De acordo com o boletim da Defesa Civil, em todo o Amazonas, mais de 455 mil pessoas foram atingidas pela cheia.

Prejuízos na capital

Em Manaus, foram construídos 10 mil metros de pontes e passarelas em 20 bairros da capital Amazonense, segundo informações da Defesa Civil.

Em diversos pontos, a circulação de pessoas ocorre somente por meio de passarelas. O centro histórico registra vários pontos de alagamento. A Praça do Relógio e o prédio da Alfândega estão entre os locais mais atingidos.

A água do rio Negro também invadiu o local onde funcionava a mais tradicional feira da capital, a Manaus Moderna. Como isso, os feirantes foram transferidos para uma balsa. Comerciantes relatam prejuízos. Lojistas tiveram os estabelecimentos alagados, mesmo com as contenções para impedir a entrada da água.

A previsão do Serviço Geológico do Brasil (CPRM) era que o rio chegasse à cota máxima de 30 metros A expectativa é que, agora, o nível do rio comece abaixar. De acordo com o órgão, abaixo dos 27 metros o nível do rio é considerado patamar normal para a cheia.

Veja a matéria completa em G1 Amazonas encurtador.com.br/yKMW9

Continue lendo

Cidades

Operação Hórus apreende aproximadamente 2 Toneladas de Pirarucu e peixes de outras espécies

Publicado

em

Por

O Comando de Policiamento Ambiental da Polícia Militar do Amazonas (CPAmb), por meio do Batalhão Ambiental (BPAmb) e Canil da PMAM durante o desdobramento da Operação Hórus/VIGIA/ na madrugada desta quinta-feira (22), no rio Solimões em frente a Orla do Município de Manacapuru (AM), realizou a abordagem e fiscalização da embarcação B/M Kennedy VI oriunda do município de Codajás-AM.

Na ocasião foram encontrados 2 toneladas de pescado ilegal, Pirarucu Arapaima Giga e outras espécies de peixes, acondicionados em várias caixas de isopor que seriam destinados ao município de Manaus/AM. O proprietário da embarcação recebeu voz de prisão e foi conduzido a delegacia do 1° DIP de Manacapuru ( 1º Distrito Integrado de Polícia) para realização dos procedimentos legais.

Material apreendido

Aproximadamente 2 toneladas de Pirarucu Arapaima Giga e peixes de outras espécies.

Prejuízo ao crime:
R$ 60.000,00 reais.

SEOPI/MJSP/CPAMB/BPAMB /CANIL PMAM

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus