Conecte-se conosco

Esportes

Flamengo visita o Athletico, vence e larga bem na Copa do Brasil

Avatar

Publicado

em

Foto: Marcelo Cortes/Flamengo/Direitos Reservados

Na Arena da Baixada, a noite desta quarta (28) foi de reencontro de rubro-negros. Athletico Paranaense e Flamengo fizeram a partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil desta temporada. O confronto foi uma reedição das quartas de final do torneio de 2019, que teve a classificação do Furacão, e da final da Supercopa de 2020, com o título da equipe carioca. 

Dessa vez o Flamengo saiu na frente mesmo sem forçar muito o ritmo. Até os 19 minutos, quando marcou o gol, o jogo era todo do time do Rio de Janeiro. Quem abriu o placar foi Bruno Henrique, que alcançou a marca de 50 gols com a camisa do Flamengo e fez o décimo quinto na temporada.

A jogada começou com um cruzamento do lateral-direito Isla. A bola foi na cabeça do centroavante Pedro. Ele dividiu com o goleiro Santos, a bola foi na trave e caiu no pé do Bruno Henrique que só empurrou para o gol vazio. À frente no placar, o Flamengo administrou a partida. A primeira chegada relativamente perigosa dos donos da casa aconteceu aos 42 minutos. O centrovante Walter cobrou forte uma falta. E o goleiro Hugo Souza fez boa defesa. No rebote, Reinaldo bateu perto do gol adversário.

Na etapa final, o goleiro Hugo foi a estrela. Aos 10, Nikão ganhou do zagueiro Léo Pereira e rolou para Walter. O centroavante finalizou e o goleiro flamenguista fez uma grande defesa. Aos 18, mais uma grande defesa depois do Reinaldo invadir a área carioca e finalizar rasteiro. Depois, ele pegou um pênalti. A infração do lateral-esquerdo Renê sobre Léo Cittadini foi confirmada pelo árbitro Ricardo Marques Ribeiro após chamar o auxílio do VAR. Hugo pulou no canto direito e fez uma bela defesa. Foi o primeiro pênalti defendido pelo garoto no time profissional do Flamengo.

As duas equipes voltam a se enfrentar na quarta-feira (4), às 21h30, no Maracanã. O Furacão precisa vencer para ter chances. Qualquer vitória por um gol dos paranaenses leva a decisão aos pênaltis.

Corinthians perde

Na Neo Química Arena, a noite de quarta teve outro duelo de abertura das oitavas de final. O jogo envolveu o Corinthians, que vive uma temporada de muita instabilidade, e o América Mineiro, embalado pela vice-liderança na Série B. E quem se deu bem foi a equipe que busca retornar à elite do futebol brasileiro.

Nos primeiros 45 minutos, os dois times apresentaram muita vontade, mas ficaram devendo inspiração. Os paulistas tiveram mais posse de bola, só que a primeira boa oportunidade do Timão só veio aos 22 minutos. Depois do escanteio batido por Cazares, a bola bateu no zagueiro Messias do América e ia em direção ao gol. Mas, Diego Ferreira, bem posicionado, afastou quase sobre a linha.

Aos 26, foi a vez do América chegar. Em boa jogada, Ademir foi no fundo e cruzou. Só que o lateral alvinegro Fagner acompanhou bem a jogada e evitou a conclusão de Felipe Azevedo.

Na etapa final, o cenário do jogo mudou pouco. O América reclamou pênalti quando Ademir invadiu a área, dividiu com Marllon e caiu na área aos 8 minutos. O árbitro Rodrigo Dalonso Ferreira mandou seguir.

O próximo lance digno de registro veio só aos 43 minutos de jogo e foi o gol dos visitantes. O atacante Marcelo Toscano aproveitou a falha do goleiro Cássio, que saiu jogando errado. O artilheiro recebeu um bom passe de Neto Berola e não desperdiçou a oportunidade. Fez o único gol da noite de futebol em São Paulo.

A partida de volta acontece na quarta-feira (4), às 21h30, na Arena Independência, em Belo Horizonte. Com o gol fora não é critério de desempate na Copa do Brasil, para avançar nos 90 minutos, o Corinthians precisa vencer por dois gols de diferença. Qualquer vitória mínima do Timão leva o jogo aos pênaltis.

Veja aqui a tabela da Copa do Brasil

 

*Por Juliano Justo/TV Brasil

*Edição: Fábio Massalli

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esportes

Cano marca, mas Vasco deixa escapar vitória na Sul-Americana

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Juan Ignacio Roncoroni/Reuters

O atacante argentino Cano brilhou com um golaço de voleio, mas o Vasco deixou escapar a vitória diante do Defensa y Justicia (Argentina) na noite desta quinta-feira (26). O jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana terminou empatado em 1 a 1.

Após o resultado obtido no estádio Norberto Tomaghello, o Cruzmaltino recebe os argentinos na próxima quinta (3) em São Januário a partir das 21h30 (horário de Brasília).

Gol do artilheiro

Após um primeiro tempo muito fraco, no qual só conseguiu levar perigo em boa jogada de velocidade do colombiano Gustavo Torres um pouco antes do intervalo, o Vasco só conseguiu marcar na etapa final.

Aos 16 minutos Léo Matos cruza para o argentino Cano, que, em sua primeira chance clara, marca com um belo voleio. Aos 29 Cano tem chance de ampliar a vantagem, mas a bola acaba saindo ao lado do gol de Unsain por pouco.

Quando tudo parecia caminhar para uma importante vitória do Vasco, Miranda vacila na marcação e Braian Romero domina e não perdoa. 1 a 1 no marcador. A partir daí aconteceu muito pouco, e a igualdade perdurou até o final.

Veja a classificação atualizada da Copa Sul-Americana.

 

*Fonte: Agência Brasil

*Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Esportes

Brasileiro: Ceará e São Paulo ficam no 1 a 1 em jogo atrasado

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Felipe Santos/Ceará SC

O São Paulo entrou no gramado do estádio Castelão nesta quarta-feira (25), em partida atrasada da 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, com o claro objetivo de somar três pontos que o levassem à ponta da classificação. Porém, o Tricolor não conseguiu segurar a vantagem de 1 gol obtida no primeiro tempo, e acabou cedendo o empate ao Ceará logo no primeiro minuto da etapa final.

Assim, a equipe de Fernando Diniz perdeu a oportunidade de assumir a ponta da tabela.

O jogo

O São Paulo iniciou a partida dominando as ações, criando oportunidades e deixando os donos da casa em situação desconfortável. Assim, a equipe comandada pelo técnico Fernando Diniz consegue abrir o marcador logo com 10 minutos. Porém, o gol veio em jogada de bola parada, quando Reinaldo cobra escanteio para o zagueiro Diego marcar.

Com a desvantagem o Vozão consegue igualar a partida, mas o placar permanece inalterado até a parada para o intervalo.

Porém, logo no início da etapa final, o Ceará conseguiu a igualdade. No primeiro minuto do segundo tempo Léo Chú recebe de Lima e finaliza com eficiência para garnatir o 1 a 1.

As equipes até tentaram mudar o placar novamente, mas ninguém teve efetividade nas finalizações.

Veja a classificação atualizada da Série A do Brasileiro.

 

*Fonte: Agência Brasil

*Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Esportes

Palmeiras faz 3 a 1 no Delfín e encaminha vaga na Libertadores

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Cesar Greco/Palmeiras

O Estádio Jocay, na cidade equatoriana de Manta, foi palco da vitória do Palmeiras por 3 a 1 sobre o Delfín na noite desta quarta-feira (25). No confronto que colocou frente a frente os paulistas, donos da melhor campanha da fase inicial, e os equatorianos, com a 15ª campanha entre os 16 times das oitavas, os primeiros quarenta e cinco minutos deixaram cristalina a diferença entre os times.

Aos 17, o Verdão abriu o placar. Gabriel Menino recebeu belo passe na direita, invadiu a área e chutou cruzado. O goleiro Banguera falhou e a bola morreu no fundo da rede. Mesmo com a vitória parcial, o Palmeiras seguiu dominando e criando chances. Até os 30 minutos, quando Lucas Lima recebeu um lançamento e chegou batendo. A zaga travou forte o armador brasileiro. Inicialmente, o árbitro considerou o lance normal. Mas, chamado pelo VAR (árbitro de vídeo), reviu a jogada e marcou a penalidade, que foi muito bem batida por Rony.

O início da segunda etapa foi o pior momento do time brasileiro. O Delfín chegou a criar algumas oportunidades, mas não concretizou. Até que, aos 14 minutos, o Palmeiras ampliou. Rony achou Zé Rafael bem posicionado na grande área. O meia dominou, driblou o zagueiro e chutou forte no canto para fazer o terceiro.

Aos 23 minutos, a bola aérea na zaga do Palmeiras foi problema novamente, como vem acontecendo várias vezes na temporada. Vélez cobrou o escanteio forte e Ramires deslocou o goleiro Weverton fazendo contra. Dez minutos depois, o time equatoriano chegou a ameaçar mais uma vez. Valencia bateu forte, mas a bola passou por cima do gol paulista. E não conseguir mais levar perigo à meta do Weverton. Vitória do Palmeiras por 3 a 1.

A partida de volta acontece na próxima quarta-feira (2), às 19h15, em São Paulo. O Palmeiras avança às quartas de final mesmo perdendo por 2 a 0. Caso se classifique, o próximo adversário será o vencedor do duelo entre Jorge Wilstermann e Libertad.

Veja a classificação atualizada da Copa Libertadores.

 

*Por Rodrigo Ricardo/Rádio Nacional

*Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus