Conecte-se conosco

Brasil

Homem é flagrado abusando de criança em elevador de shopping

Avatar

Publicado

em

Um homem de 58 anos foi preso neste domingo após ser flagrado abusando de uma criança de nove anos no elevador de shopping.

Segundo as informações repassadas à Folha Uberaba, a PM foi acionada pela equipe de segurança do shopping que apresentou imagens das câmeras do elevador que mostravam o autor se esfregando na criança, beijando-a e passando as mãos em suas partes íntimas, a criança mostra contrariedade e constrangimento.

Em seguida eles deixam o shopping em um veículo Corolla. De posse das imagens e através da placa do veículo, a polícia chegou até a residência do autor e ele disse que tinha acabado de chegar do shopping com sua afilhada de nove anos.

A criança contou aos policiais que foi ao shopping com seu padrinho e que após comprarem um caderno e irem ao supermercado ele a agarrou e a beijou a força, tendo passado a mão em suas partes íntimas. A criança contou que isso vem se repetindo há uns 15 dias, desde que começou a frequentar a casa do padrinho e já aconteceu outras duas vezes, na piscina e na sala da residência.

O autor se recusou a falar.

A criança foi encaminhada ao hospital das crianças para exames, a mãe dela compareceu ao local e disse que não tinha conhecimento dos fatos.

O autor foi preso e encaminhado à delegacia juntamente com seu celular e CPU do computador que foram apreendidos. As imagens disponibilizadas pelo shopping também ficaram a disposição da polícia.

Fonte: Folha de Uberaba

Continue lendo
Propaganda
1 Comentário

1 Comentário

  1. Avatar

    A sentença, para esses criminósos, éra, metê-los num buraco cheio de chumbo a ferver. Fazendo a um, já não nenhum faria o mesmo. Pobres crianças. Não têm sossego. Que Deus, as protêja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Homem que viralizou na web ao velar a mãe sozinho morre após ter o corpo queimado

Avatar

Publicado

em

Por

Aos 44 anos, José Ricardo Fernandes Ribeiro, que ficou conhecido após velar sozinho o corpo da mãe, morreu em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital, no domingo (12). Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima teve cerca de 80% do corpo queimado durante um incêndio na própria casa.

O fogo atingiu a residência de José Ricardo no sábado (11). O homem foi socorrido pelos bombeiros e levado de helicóptero ao Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), em Goiânia, onde morreu.

O registro policial relata que o dono do imóvel em que José Ricardo morava foi quem deu as primeiras informações à polícia. De acordo com ele, os vizinhos da vítima viram, no sábado, uma fumaça saindo da quitinete, encontraram a vítima queimando no local e chamaram o Corpo de Bombeiros.

O caso está registrado na Polícia Civil como latrocínio – que é o roubo seguido de morte – e será apurado pelo Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Aparecida de Goiânia.

A morte dele é investigada como latrocínio porque, conforme registrado na Polícia Civil, o dono do imóvel contou que o inquilino tinha uma doença renal crônica e recebeu uma ajuda de R$ 30 mil de uma vaquinha virtual para ajudar nas despesas por causa da condição de saúde. A corporação identificou ainda que foram roubados do local celular, carteira e um aparelho de televisão da vítima.

Segundo o Instituto Médico Legal (IML), o corpo de José Ricardo foi retirado, na madrugada de domingo (12), do Hugol. Até a manhã desta segunda-feira (13), não havia sido retirado por nenhum familiar.

Fonte: G1 Goiânia

Continue lendo

Brasil

Adolescente encontra dedo humano em esfiha no estado de São Paulo

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Divulgação

Na noite de sábado (11/7), um adolescente encontrou um dedo humano decepado ao comer uma esfiha em São Paulo. O menino de 14 anos e sua mãe contaram que pediram esfiha fechada por delivery e, quando foram comer, encontraram o pedaço de dedo dentro do alimento. As vítimas acionaram a Polícia Militar, que atendeu à ocorrência.

As informações foram confirmadas pela assessoria de imprensa da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo. Ao procurarem o responsável pelo restaurante, os policiais militares foram informados que um dos funcionários teria se cortado ao preparar alimentos.

“O proprietário relatou que um dos funcionários havia decepado o dedo cortando calabresa, que procurou, mas não achou e foi encaminhado ao hospital”, informa a polícia. Os alimentos foram apreendidos para encaminhamento ao Instituto de Criminalística, e a parte do dedo foi apreendida para encaminhamento ao Instituto Médico Legal.

Continue lendo

Brasil

Neto exuma corpo da avó, dança na rua e avisa que vai para hospital doar órgãos para ressuscitar a idosa

Avatar

Publicado

em

Por

Na madrugada desta quinta-feira (2), um homem de 32 anos desenterrou o corpo da avó, uma idosa de 61 anos. Segundo informações, o neto quebrou o túmulo, retirou o corpo da sepultura, colocou nos ombros e saiu caminhando pela rua. Depois dele ser visto dançando com o cadáver no meio de uma via, a polícia informou que o homem queria levá-lo até o hospital para que pudesse doar os próprios órgãos e trazer a avó de volta à vida.

A idosa morreu em 2018 e estava enterrada no cemitério Morro da Liberdade, na Zona Sul da capital. De acordo com informações da 2ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), familiares informaram que o homem possui problemas psiquiátricos e costuma ir até o cemitério para conversar com a avó e outros parentes enterrados no local.

“Ele estava completamente transtornado e dizia o tempo todo que queria fazer na avó um transplante para trazê-la de volta à vida porque sentia muita saudade. Ele disse que iria doar todos os seus órgãos a ela”, afirma o tenente Paulo Araújo, da 2ª Cicom.

O rapaz caminhou do cemitério com a avó até uma área conhecida como Beco dos Pretos, no Centro de Manaus. Moradores da região avistaram o homem dançando abraçado ao cadáver e acionaram a polícia. Ele chegou a ser amarrado a um poste por moradores e familiares, para que pudesse ser contido.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, testemunhas informaram que o homem já havia tentado retirar o cadáver da avó do cemitério em outras ocasiões.

“Recebemos o chamado e acionamos uma viatura. Ao chegar no local, o rapaz foi encontrado amarrado. O cadáver estava no chão. Familiares informaram que ele tem um laudo médico informando que ele tem transtornos mentais e ele tinha interesse em resgatar, além da avó, outros familiares”, contou.

O caso foi encaminhado ao 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas o delegado plantonista, que preferiu não se identificar, disse que o homem não tinha condições de ser ouvido. Ele foi levado ao Pronto-Socorro 28 de Agosto para receber atendimento médico.

Assim que ele receber alta, deve retomar à delegacia para prestar depoimento. De acordo com o delegado, se comprovado o transtorno psiquiátrico, o homem não deve ser responsabilizado.

“Ele não é passível de responsabilidade penal porque um dos requisitos para isso é a culpabilidade. O indivíduo em questão não tem essa condição de receber uma sanção penal. Talvez receba uma medida de segurança”, disse.

Ainda segundo o delegado, o homem não possui passagem ou antecedentes criminais. A polícia informou que o corpo da idosa foi devolvido à sepultura.

Fonte: G1

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus