Veículos de imprensa de vários países repercutiram a prisão do ex-presidente Michel Temer. O ex-presidente foi detido pela Força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro na manhã desta quinta-feira (21).

Portugal

O jornal português “Público” foi um dos primeiros a registrarem a prisão do ex-presidente, lembrando que ele é alvo de dez inquéritos diferentes no âmbito das investigações da Lava-Jato.

Reino Unido

Foto: Reprodução

A rede britânica BBC afirmou em seu primeiro relato que Temer foi detido por ter envolvimento em um esquema de corrupção. O site destacou que ele assumiu ao poder após a queda de Dilma Rousseff.

“The Guardian” informou que Temer foi preso e afirma que ele “desempenhou um papel fundamental no impeachment de 2016 de sua rival Dilma Rousseff”.

O jornal afirma que Temer foi acusado de uma série de crimes, incluindo corrupção, extorsão e obstrução da justiça enquanto ainda era presidente. “Porém, conseguiu evitar procedimentos de impeachment graças a suas alianças no Congresso”.

Espanha

O jornal espanhol “El País” afirmou que Temer foi preso em uma operação relacionada ao “mega-escândalo de corrupção da da Lava Jato”.

 

*Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Chega a quatro o número de suspeitos presos pelo assassinato de sargento da PM em Manaus

Outros dois homens – um de 27 e outro de 20 – foram presos no fim da tarde des…