Conecte-se conosco

Cidades

Morte de motorista choca população e trabalhadores culpam governo de Amazonino pela falta de segurança

Avatar

Publicado

em

Amazonino Mendes

A imagem do motorista Francisco da Silva, de 51 anos, morto sentado na cadeira do ônibus da empresa Viação São Pedro, na noite de quinta-feira (14), durante assalto dentro do coletivo, chocou a população do Amazonas. Motoristas ameaçam parar as atividades por conta da falta de segurança.

A morte de ‘Chiquinho’, como o trabalhador era conhecido, resume o caos na segurança pública e detonou o ódio contra o governador Amazonino Mendes (PDT) por parte da população – demonstrada, logo em seguida, a publicação da imagem do motorista morto, através das redes sociais.
O governador fez um estardalhaço mês passado, ao contratar uma empresa ligada ao ex-prefeito de Nova York, Rudolph William Louis Giuliani, com a desculpa de tentar reduzir os altíssimos números da violência no Amazonas.
Megalomaníaco desde criancinha, Amazonino sequer levou em consideração o nível de educação dos moradores dos Estados Unidos e as leis aplicadas a quem comete pequenos delitos ou crimes no país.
O melhor e mais prudente teria investido os R$ 5 milhões – pagos à consultoria de Giuliani – em educação.
Data-base da PMAM
Enquanto fez a “gracinha” de liberar essa pequena fortuna ao ex-prefeito de Nova York, logo em seguida, o governador Amazonino Mendes anunciou pelas redes sociais, através de um banner, os supostos motivos do veto à data-base dos policiais que estão “irados” com ele.
Paralisação dos motoristas
O crime que chocou a todos também terá reflexos imediatos à população que poderá ficar novamente sem ônibus, uma vez que o Sindicato dos Rodoviários e os motoristas ameaçam paralisar as atividades por falta de segurança.
Matemática certa
O governador ou secretário de segurança, bem como o comandante da PM e o delegado geral, sabem mais que toda a equipe de Giuliani que, no Amazonas, para melhorar a segurança pública, precisa de imediato fazer concurso público.
Reestruturar, por exemplo, a distribuição de gasolina (cada viatura circula em Manaus com apenas 11 litros de combustível, segundo alguns PMs); adquirir novas viaturas, motocicletas e voltar com o RAIO, quando as equipes de policiais combatiam os criminosos com motos, uma vez que a maioria dos assaltantes utilizam motocicletas para os crimes e fugas; investigar policiais suspeitos de envolvimento com o crime organizado, além de investigar a entrada e distribuição de armas de fogo.
Corrupção nos presídios
Outra ação obvia é acabar com a corrupção nos presídios do estado. Virou prática comum fugas espetaculares sem que as autoridades descubram ou punam os autores que facilitaram as mesmas.
A entrada de celulares, armas de fogo, drogas, dinheiro e todo tipo de objeto proibido é comum nos presídios do Amazonas.
A última fuga registrada em Manaus, por exemplo, quando os detentos cavaram um túnel e chegou a ser denunciada com antecedência por agentes penitenciários honestos, nenhuma providência foi tomada e a direção toda sequer foi punida.
Projetos sociais
Projetos sociais como o Galera Nota 10, que proporcionava esporte e arte aos pré-adolescentes e jovens, simplesmente sumiram. Não se vê nenhum investimento na periferia para retirar esses jovens das ruas e da criminalidade. O governo parece alheio aos problemas sociais. Nos últimos meses, Amazonino tem investido pesado em sua reeleição, distribuindo dinheiro a prefeitos no interior, realizando obras e implementos agrícolas, quase que aleatoriamente, e esquece dos problemas sociais mais graves que são o desemprego e a violência, por exemplo.
*Fonte: Portal Flagrante
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Operação Hórus apreende aproximadamente 2 Toneladas de Pirarucu e peixes de outras espécies

Avatar

Publicado

em

Por

O Comando de Policiamento Ambiental da Polícia Militar do Amazonas (CPAmb), por meio do Batalhão Ambiental (BPAmb) e Canil da PMAM durante o desdobramento da Operação Hórus/VIGIA/ na madrugada desta quinta-feira (22), no rio Solimões em frente a Orla do Município de Manacapuru (AM), realizou a abordagem e fiscalização da embarcação B/M Kennedy VI oriunda do município de Codajás-AM.

Na ocasião foram encontrados 2 toneladas de pescado ilegal, Pirarucu Arapaima Giga e outras espécies de peixes, acondicionados em várias caixas de isopor que seriam destinados ao município de Manaus/AM. O proprietário da embarcação recebeu voz de prisão e foi conduzido a delegacia do 1° DIP de Manacapuru ( 1º Distrito Integrado de Polícia) para realização dos procedimentos legais.

Material apreendido

Aproximadamente 2 toneladas de Pirarucu Arapaima Giga e peixes de outras espécies.

Prejuízo ao crime:
R$ 60.000,00 reais.

SEOPI/MJSP/CPAMB/BPAMB /CANIL PMAM

Continue lendo

Brasil

Ernesto Araújo pede demissão do Ministério das Relações Exteriores

Avatar

Publicado

em

Por

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, pediu demissão do cargo nesta segunda-feira (29).

O pedido ocorre após pressão de parlamentares, inclusive dos presidentes da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

A situação política de Ernesto vinha se deteriorando nos últimos dias. No Congresso, a avaliação é de que a atuação do ministro isolou o Brasil no cenário internacional e prejudicou a obtenção de doses de vacina contra a Covid-19.

Ernesto adotou em sua gestão os mesmos princípios da política externa do ex-presidente norte-americano Donald Trump. Essa postura gerou atritos com importantes parceiros comerciais, como a China, principal destino das exportações brasileiras, além de maior produtor de insumos para vacinas no mundo.

Continue lendo

Cidades

Trecho da Avenida Torquato Tapajós segue interditado após cratera ‘engolir’ caminhão

Avatar

Publicado

em

Por

Um trecho da Avenida Torquato Tapajós segue interditado na manhã desta quarta-feira (10), após uma tubulação de rede de drenagem se romper e uma cratera se abrir durante a tarde desta terça. Uma carreta chegou a tombar no local durante o ocorrido. Com a interdição, houve a necessidade de realizar um contra fluxo de veículos em outra via da avenida.

Na manhã desta quarta-feira (10), o diretor de operações do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), Stanley Ventilari, explicou que o contra fluxo de veículos foi realizado para os veículos que trafegavam na via no sentido Centro – bairro, onde a cratera se abriu.

“Os veículos são desviados para a estação de transferência do conjunto Santos Dumont, entra num contra fluxo de aproximadamente 300 metros e com a abertura do canteiro central, eles desviam normalmente para a sua rota indo na direção da área Norte”, explicou.

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus