Conecte-se conosco

Destaque

Nosso militar precisa ser respeitado. Auxílio fardamento não paga plano de saúde, educação, alimentação e não é promoção”, defende vereador eleito Capitão Carpê Andrade

Publicado

em

Na tarde desta quarta-feira (16), os deputados estaduais do Amazonas aprovaram a Lei Orçamentária Anual (LOA) para o ano de 2021, com orçamento de R$19 bilhões. Mais uma vez a categoria de Policiais Militares e Bombeiros Militares não tiveram promoções previstas no orçamento estadual.

A decisão dos deputados foi recebida com muita indignação pela categoria. Eleito vereador, o capitão Carpê Andrade (Republicanos) demonstrou sua revolta com o descaso sofrido pelos militares da PMAM e CBMAM.

“O momento é de unir esforços. Nossa categoria trabalhou incansavelmente durante a pandemia, o mínimo que todos deveriam ter é suas merecidas promoções”, disse.

O vereador denuncia que há mais de dois anos a PM não tem promoções. Além disso, o cumprimento da data-base de 2017 não foi realizado. “Na corporação, muitos militares se sentem injustiçados, esquecidos e desrespeitados pelo Poder Legislativo”, ressaltou.

Para não retirar totalmente a classe da LOA 2021, os deputados aprovaram 597 emendas impositivas e duas emendas coletivas para pagamento de auxílio fardamento para os policiais militares. A medida foi vista como inadequada e insuficiente.

Sendo o único representante da Polícia Militar na Câmara dos Vereadores a partir do próximo ano, Capitão Carpê Andrade se pronunciou nas redes sociais em nome da categoria. Ele disse que vai levar ao parlamento todas as reivindicações dos militares da PM e Corpo de Bombeiros, sempre que o direito dessa categoria for afrontado, ainda que, essa sua representatividade não tenha a legitimidade para decidir em prol da categoria na Câmara Municipal.

O vereador afirmou ainda que espera uma revisão do orçamento, pois os militares precisam ser prioridade em nosso estado.

“Jamais calarei minha voz. Nosso militar precisa ser respeitado. Auxílio fardamento não paga plano de saúde, educação, alimentação e não é promoção. O militar é guerreiro, arrisca sua vida e são mais de dois anos sem promoções”, defendeu.

*informações da assessoria*

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Morre Delano Almeida, irmão do Prefeito de Manaus David Almeida

Publicado

em

Por

Foto: Reprodução Facebook

Delano Tadeu Pereira de Almeida, de 60 anos, irmão do prefeito David Almeida, morreu neste sábado, 24/7, em decorrência de falência do miocárdio.

Delano foi por 15 anos servidor público da Procuradoria Geral do Município (PGM), além de ter atuado no Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), sendo admirado por seus pares em todos os ambientes de trabalho. Ele estava lotado na PGM, como chefe de Núcleo de Cadastro Imobiliário, da Superintendência de Registro Imobiliário, Avaliação e Perícia.

“Que seu legado de dedicação e espírito público possa ser seguido por todos”, diz a nota divulgada pela Prefeitura de Manaus.

Continue lendo

Destaque

Vereador Capitão Carpe propõe PL para Fonoaudiólogo obrigatório nas escolas municipais

Publicado

em

Por

Vereador Capitão Carpê (Republicanos) , apresentou Projeto de Lei com o objetivo de otimizar o desenvolvimento da aprendizagem em sala de aula através da criação de um plano pedagógico com o auxílio obrigatório e integral do Fonoaudiólogo, profissional de suma importância no processo educacional.

O Fonoaudiólogo é o profissional que tem autonomia para fazer a identificação, prevenção e tratamento dos problemas relacionados à comunicação dos alunos, possíveis déficits de aprendizagem, e diagnosticando de forma precoce, juntamente com o corpo docente alterações de linguagem, audição, fala e voz, relacionando-os ou não, a possíveis problemas de saúde.

Com isso, torna-se obrigatório em todas as Escolas Públicas Municipais da Cidade de Manaus, possuir em seu quadro de funcionários profissionais graduados em fonoaudiologia.

Continue lendo

Destaque

Motorista de aplicativo é assassinado a tiros em Manaus

Publicado

em

Por

Um motorista de aplicativo, de 25 anos, foi assassinado a tiros na noite deste domingo (18) no bairro Alvorada II, Zona Centro-oeste de Manaus. Segundo a polícia, os criminosos levaram o veículo da vítima, mas abandonaram o carro próximo ao local do crime.

O motorista foi assassinado com cinco tiros que atingiram a região do abdômen, cabeça e costas.

O crime ocorreu por volta das 19h50 na Rua Edson Melo. Os criminosos tentaram fugir com o veículo que a vítima trabalhava, mas o carro foi abandonado na Rua Ovídio Gomes Monteiro, no mesmo bairro. Os criminosos fugiram. Dois homens foram vistos saindo do carro.

Para a polícia, a família da vítima relatou que o motorista alugou o carro para trabalhar. O homem deixou uma filha de três anos.

A Polícia Civil vai investigar se o crime foi um latrocínio – roubo seguido de morte ou uma execução. A família contou aos policiais que o jovem trabalhava há um tempo longo na profissão e desconhece a motivação da morte.

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus