Conecte-se conosco

Destaque

Padrasto suspeito de estrangular enteado de 13 anos é preso na zona norte

Publicado

em

Enteado é estrangulado pelo padrasto

Um adolescente morreu depois de ser estrangulado na noite de domingo (18), no bairro Mauazinho, situado na zona norte da capital amazonense. Carlos Eduardo da Silva Martins, de 13 anos, foi encontrado com marcas de violência na casa onde morava com a família. O padrasto, identificado como Naldo da Silva e Silva, 35, é suspeito de matar o garoto após agredi-lo. Ele foi preso, mas nega o crime e afirma que encontrou o enteado enforcado no punho de rede.

O estudante Carlos Eduardo morava com a mãe, o padrasto e dois irmãos de seis e oito, filhos do casal em uma casa na rua Beira Alta, no beco São Francisco. Momentos antes de ser encontrado praticamente sem vida, o estudante comemorava o aniversário de 30 anos da mãe Rosa Maria Cunha.

“Tinha familiares e mais 16 pessoas amigos da igreja da mãe do Eduardo. A minha irmã foi para a igreja, enquanto o Naldo e o meu sobrinho foram deixar eu e minha outra irmã no ponto de ônibus. O Eduardo me abraçou e disse: tia te amo. Ele não queria que fôssemos embora. Percebi que tinha algo errado, mas acabamos subindo no ônibus e fomos embora. Acho que ele estava com medo”, contou a tia do garoto, a dona de casa Rozana Cunha, de 23 anos.

O padrasto e o enteado voltaram para casa. Os dois ficaram sozinhos no imóvel e minutos depois o adolescente foi encontrado desacordado em um quarto da casa, por volta das 19h20.

“Só deu tempo de chegar em casa e me ligaram dando a notícia de que encontraram o Eduardo quase sem vida”, disse a tia.

O padrasto do estudante ligou para uma amiga da esposa e avisou que o menino teria se enforcado nos cordões de uma rede na casa. Vizinhos chamaram o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e Carlos Eduardo foi levado para o Hospital Pronto-Socorro (HPS) Joãozinho. Os médicos tentaram reanimá-lo, mas o garoto morreu. O Instituto Médico-Legal (IML) constatou que houve compressão centros respiratórios que causaram edema cerebral.

Logo após morte do garoto, familiares passaram a suspeitar do padrasto, que foi visto por dois vizinhos discutindo e travando luta corporal com o enteado. A vítima foi encontrada com roupa suja de lama, com escoriações pelo corpo e a casa estava com objetos revirados.

O enteado e o padrasto tinham uma relação conturbada, de acordo com familiares. O garoto morava com mãe e o padrasto desde os sete anos de idade.

“Ele deu três versões diferentes. Primeiro disse que meu sobrinho se enforcou no punho da rede, depois disse que estava enrolado na rede e depois disse que o Eduardo passou mal após tomar açaí. Ficou se contradizendo. Meu sobrinho estava com pescoço quebrado, arranhado e com roupas sujas. Como ele se enforcaria em uma rede tão baixa se ele era alto? O Eduardo não gostava dele e era tratado com ignorância pelo padrasto. Ele queria voltar a morar com os avós em Codajás, mas não demos ouvidos”, afirmou Rozana Cunha.

Por volta das 5h40 da manhã desta segunda-feira (19), o vendedor de cosméticos Naldo da Silva e Silva foi preso em flagrante por policiais militares da 29ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom). Ele foi encontrado no Beco Real no bairro Mauazinho, não resistiu à prisão e foi levado para Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

A tia da vítima suspeita que o cunhado tenha estrangulado Carlos Eduardo depois que o adolescente teria filmado uma suposta traição do padrasto.

“Ficamos sabendo depois da morte do meu sobrinho desse vídeo que o Eduardo gravou o Naldo traindo a mãe dele. O padrasto sabia da existência do vídeo. Eu já tinha alertado minha irmã sobre ele, mas ela não acreditou”, comentou a tia.

Naldo da Silva foi detido pela PM e levado para delegacia – Foto: Adneison Severiano/G1 AM

Com informações da fonte: Portal G1

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Técnica de relaxamento com saco causou morte de ator, diz laudo

Publicado

em

Por

morte do ator Luiz Carlos de Araújo foi acidental, causada por uma mistura do uso de antidepressivos, cocaína, álcool e de um saco plástico para cobrir a cabeça, apontou laudo da Polícia Civil de São Paulo, revelado nesta quarta-feira (22).

Segundo a perícia, a morte deve ter sido causada pelo próprio ator enquanto ele fazia uma técnica de relaxamento chamada de re-respiração com a ajuda do saco plástico. A técnica, informou o legista, é usada para diminuir respiração rápida e descontrolada em situações de ansiedade, para “aumentar o teor de dióxido de carbono e diminuir o teor de oxigênio”.

“Tal prática pode ter como complicação a asfixia por confinamento (troca do ar respirável por ar irrespirável)”, explica o laudo.

A polícia considerava outras duas hipóteses para a morte (suicídio ou homicídio), que foram descartadas: “não foram observados sinais de constrição cervical externas ou internas [enforcamento], mesmo após dissecção cuidadosa do pescoço da vítima Luiz Carlos”.

“A associação de antidepressivos, cocaína e álcool, com consequente rebaixamento do nível de consciência, associada ao confinamento foram às causas da morte”, conclui o laudo.

Luiz Carlos foi encontrado morto no último dia 11 dentro de um apartamento sem sinais de arrombamento, invasão por meio da sacada ou assalto de bens. O ator se destacou por sua participação na novela Carinha de Anjo, do SBT, e em outras peças de teatro. Ele tinha 42 anos.

Fonte: Portal R7

Continue lendo

Amazonas

Cetam abre inscrições para mais de 26 mil vagas em cursos no interior do AM

Publicado

em

Por

O Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) abriu, nesta quarta (22) e na quinta-feira (23), as inscrições para 26.910 vagas em cursos de qualificação profissional. As vagas são destinadas, exclusivamente, para candidatos do interior do estado.

As inscrições serão somente on-line, das 6h às 23h59, ou até terminarem as vagas. Os interessados em um dos 35 cursos ofertados nos 61 municípios do Amazonas deverão acessar o endereço https://cursos.cetam.am.gov.brSó é aceito um CPF por vaga.

As vagas ofertadas serão ocupadas pelo processo de ordem de chegada, ou seja, até o limite do número de vagas regulares e reservas oferecidas por curso. Antes de efetuar a inscrição, o candidato deverá certificar-se de que preenche todos os pré-requisitos para o curso que deseja ingressar.

Continue lendo

Amazonas

12 toneladas de pirarucu são apreendidas em embarcação em Coari

Publicado

em

Por

Cerca de 12 toneladas de pirarucu foram apreendidas em uma embarcação, por policiais da Base Arpão, na madrugada de terça-feira (21), em Coari. No total, foram apreendidas cinco toneladas de pirarucu fresco e sete toneladas de pirarucu salgado.

O proprietário do barco ao ser questionado disse que o pescado era legalizado e que possuía o guia de transito expedida pelo Ibama. No entanto, a autorização era para o transporte de três unidades de pirarucu, o que não era compatível com a quantidade encontrada no barco.

Ao continuar as buscas na embarcação, a equipe encontrou uma parede falsa e, dentro dela, foram encontrados parte do pescado ilegal que estava condicionado de forma indevida. O barco partiu de Jutaí, distante 749 km de Manaus, e seguia para a capital.

O responsável pelo pescado ilegal foi preso e foi apresentado a Delegacia de Polícia Civil da Base Arpão. O pescado será doado para comunidades ribeirinhas.

Por correr risco de extinção, o pirarucu tem a pesca proibida durante o ano todo, só podendo ser feita em áreas de manejo determinadas pelo Ibama.

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus