Conecte-se conosco

Amazonas

Projeto disponibiliza atendimento psicológico gratuito para mulheres em situação de vulnerabilidade em Manaus Compartilhar

Publicado

em

O projeto “Mulheres Empoderadas”, voltado à missão de ajudar mulheres em situações de vulnerabilidade na área do complexo do Mauá, zona Sul de Manaus (Mauazinho I e II, Jardim Mauá e Parque Mauá), está possibilitando atendimentos psicológicos de forma gratuita, a fim de cuidar da saúde mental daquelas com menor poder aquisitivo e que estejam precisando de uma avaliação profissional.

As consultas serão aos sábados pela manhã na Capela Nossa Senhora dos Navegantes, rua Real, s/n – Mauazinho. Aquelas que desejarem atendimento, precisam agendar a sessão pelo WhatsApp (092) 98190-9628. De acordo com a coordenadora e fundadora do projeto, Gleiciane Lima, a iniciativa veio da necessidade do zelo com a saúde mental e emocional de mulheres em situação de risco e, principalmente, em tempos de pandemia.

“Sabemos que elas não levam uma vida fácil, há muitos fatores envolvidos no cotidiano e realidade delas. Muitas chefiam famílias, às vezes passam por violência doméstica ou só estão cansadas precisando de uma orientação profissional. Então, quem quiser pode agendar a partir deste sábado, 12, que já estaremos apostos”, conta Gleiciane.

Futuros atendimentos e ações

Gleiciane Lima conta que a pretensão é tornar os atendimentos possíveis durante a semana, porém, a falta de uma espaço físico para a sede impossibilita que as atividades sejam realizadas com frequência. Além disso, há também o desejo de expandir os atendimentos para além das fronteiras da Zona Sul de Manaus.

“A falta de sede logo, logo não será mais um problema, por hora, nos reunimos para formação e planejamento de ações quinzenalmente. E, geralmente, as terças-feiras e quintas-feiras tiramos para visitar as residências das mulheres identificadas em situações de riscos e vulnerabilidades sociais”, explica Gleiciane.

O “Mulheres Empoderadas” conta com pelo menos três principais frentes de ações. A campanha “Mãezinha Feliz” em que as integrantes do coletivo preparam kits de enxovais para que as gestantes em situações de riscos sociais possam garantir itens básicos para os recém-nascidos.

O “Imagem Poderosa” que promove a autoestima e a valorização da imagem da mulher, onde as participantes têm um dia de beleza, com maquiagem, manicure e pedicure, além da produção de ensaios fotográficos.

A terceira ação é voltada para atender mulheres em situações de riscos nutricionais. Intitulada de “Alimente Uma Vida”, a proposta é balancear a alimentação e a saúde das participantes, por meio de doações de alimentos e conscientização sobre a alimentação saudável.

Sobre o projeto

O “Mulheres Empoderadas” existe há pouco mais de um ano e, além das ações citadas acima, o coletivo composto por 7 mulheres e, até fevereiro deste ano, já realizou mais de 200 atendimentos essenciais como distribuição de medicamentos, orientações sobre violência doméstica, exames laboratoriais e encaminhamentos para o mercado de trabalho e emissões de documentos como RG. Tudo por meio do Conselho Tutelar e Defensoria Pública.

Além de promover iniciativas benéficas, o projeto tem intuito de ajudar mulheres em situações de riscos e lutar por implementações de políticas públicas que efetivem os direitos da mulher em todos os âmbitos sociais.

Texto e Fonte: Priscilla Peixoto – Revista Cenarium 

 

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

Colisão entre lanchas deixa dois feridos e dois desaparecidos em Manaus

Publicado

em

Por

Uma colisão entre duas lanchas na noite desta quinta-feira (22) deixou dois feridos e duas pessoas desaparecidas na Marina do Davi, bairro Tarumã, em Manaus, depois que a embarcação em que as vítimas estavam afundou. Três pessoas que estavam dentro da lancha que causou o acidente prestaram depoimento na delegacia.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acionamento ocorreu às 21h10. A Polícia Militar informou para a corporação sobre a colisão entre as embarcações nas proximidades da base do Fluvial da Polícia Ambiental.

Em uma lancha de passeio que causou o acidente, havia duas mulheres e dois homens, sendo um deles o dono da embarcação e o outro, o piloto. Desse grupo, o proprietário e as mulheres foram levados para o 19° Distrito Integrado de Polícia. Eles prestaram esclarecimentos e foram liberados. O condutor não foi localizado pela polícia.

Na lancha que afundou havia também quatro pessoas, membros de uma igreja. Duas mulheres foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência para o hospital. Elas usavam colete salva-vidas. Dois homens estão desaparecidos.

O Corpo de Bombeiros realizou mergulhos de 23 metros de profundidade até às 23h30. As vítimas ainda não foram encontradas e nem a lancha que submergiu.

As buscas foram interrompidas por conta da forte chuva. De acordo com os bombeiros, os mergulhadores demarcaram o local do acidente e retornarão as buscas nesta manhã. A outra lancha, que causou o acidente, está em posse da polícia, na base fluvial da PM.

Com informações: G1 Amazonas

Continue lendo

Amazonas

Com tucumã sob análise, Governo do AM considera controlado surto de infecção alimentar em Manacapuru

Publicado

em

Por

O governo do Amazonas informou que o surto de Doença Transmitida por Alimento (DTA) ocorrido em Manacapuru, Região Metropolitana de Manaus, é considerado controlado pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP). Uma das causas investigadas é a ingestão de tucumã contaminado.

De acordo com a FVS, 48 pessoas estão envolvidas no surto da doença, tendo como uma das suspeitas de causa a ingestão do tucumã. Os casos ocorreram na comunidade Irapajé, em Manacapuru.

  • Consumo de tucumã em casos de infecção alimentar em Manacapuru (AM): o que se sabe até agora.

Dos 48 envolvidos, 23 pessoas receberam atendimento médico. Até esta quarta-feira (21), uma pessoa permanece internada na rede de saúde pública em Manaus.

Conforme a FVS, o surto de DTA em Manacapuru é considerado controlado, devido à ausência de notificação de novos casos, que não ocorre há mais de 24 horas.

As amostras de água coletada em Manacapuru e de tucumã foram encaminhadas para análise no Laboratório Central de Saúde Pública da FVS-RCP (Lacen/FVS-RCP). O governo informou que aguarda os resultados dessas análises. A previsão é que os resultados saiam em até 15 dias.

Com informações: G1 Amazonas

Continue lendo

Amazonas

Morte súbita de menina de 12 anos é investigada no AM

Publicado

em

Por

Uma adolescente de 12 anos morreu subitamente, nesta quarta-feira (21), no município de Iranduba, a 38 Km de Manaus, depois de passar mal e desmaiar na hora do café, segundo a família. O caso está sendo investigado.

De acordo com o registro do Instituto Médico Legal, a causa da morte é “indeterminada/suspeita”. Segundo o órgão, a adolescente chegou morta ao Hospital Regional Hilda Freire, no Iranduba.

Segundo registro da Polícia Civil, em boletim de ocorrência, a adolescente era natural de Eirunepé, mas há três meses morava em Paricatuba, zona rural de Iranduba.

A tia contou ao G1 que a menina se mudou para fazer tratamento médico por conta de problemas respiratórios. Ela contou que às vezes a sobrinha passava mal.

Ainda segundo registro, o relato da família é que a adolescente tomava café e desmaiou “sem motivo aparente”.

A menina foi levada para o hospital de Iranduba, mas não resistiu. No registro da ocorrência, a família relatou que a médica que atendeu a adolescente não emitiu o Serviço de Verificação de Óbito (SVO), um documento responsável por determinar a causa do óbito.

A família informou à polícia que a médica não expediu esse documento “por achar estranho que uma criança de 12 anos, sem histórico médico, chegue a falecer sem motivos aparente”, diz trecho do boletim de ocorrência.

Um laudo do IML deve apontar a causa da morte da adolescente. A tia disse que o velório acontecerá na vila em que a menina morava.

Com informações: G1 Amazonas

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus