Conecte-se conosco

Amazonas

Quatro cidades do interior do Estado decretam ‘lockdown’ como medida de prevenção ao novo coronavírus

Avatar

Publicado

em

Com a pandemia do novo coronavírus, o estado do Amazonas tem adotado medidas para combater a disseminação da doença. No interior, os municípios de Tefé, Silves, Barreirinha e São Gabriel da Cachoeira adotaram o “lockdown” – que representa o bloqueio total de circulação de pessoas nas cidades. É uma ação mais restritiva que o isolamento social.

Os casos de Covid-19 tem aumentado com frequência no Amazonas e já chegaram a cerca de 90% dos municípios do interior do estado. Conforme o último boletim, divulgado nesta terça-feira (12), mais de mil novos casos foram registrados, chegando a mais de 14 mil infectados. O número de mortes também supera a marca de mil.

Como medida para Manaus durante a pandemia do novo coronavírus, nesta segunda-feira (11), o Ministério Público do Amazonas (MP-AM) ingressou com um recurso na Justiça pedindo a adoção de “lockdown” na capital amazonense. Esse recurso tem o objetivo de anular a decisão que foi realizada em 6 de maio, quando a Justiça negou a adoção do modelo mais rígido de isolamento no estado, pedido em Ação Civil Pública pelo MP-AM no dia 5 de maio.

Na noite desta terça, o governo do Amazonas anunciou a prorrogação da suspensão do funcionamento de estabelecimentos comerciais e de serviços não essenciais até o dia 31 de maio deste ano. Entre as novidades anunciadas pelo governo em uma coletiva online, estão uso obrigatório de máscara e multas – de R$ 50 mil ao dia para pessoas jurídicas – em casos de descumprimento das determinações.

Tefé, com mais de 400 infectados

No dia 4 de maio, a prefeitura de Tefé, a 522 Km de Manaus, decretou a suspensão da circulação e aglomeração de pessoas em vias públicas da cidade, além de estabelecimentos comerciais, instituições bancárias e lotéricas. As medidas do decreto estabelecem “lockdown” do dia 5 a 15 de maio de 2020, das 15h às 6h do dia seguinte.

Barreirinha, com mais de 50 infectados

Já o decreto nº 167 desta segunda-feira (11) mostra que a Prefeitura de Barreirinha, a 512 Km de Manaus, decretou o “isolamento social rígido”, e adotou, também, o “lockdown”. A cidade estabeleceu novas medidas preventivas e restritivas como forma de prevenção ao novo coronavírus.

Foram suspensos, também, os serviços em agências bancárias e assemelhados tais como: bancos, bancos expressos, loterias, correios, agências de créditos e empréstimos.

Silves, com mais de 50 infectados

O município de Silves, a 182 Km de Manaus, também adotou o “lockdown” visando a contenção do avanço da Covid-19. Até esta segunda-feira (11), quando a medida foi tomada, a cidade registrava 52 casos confirmados e dois óbitos. A nova edição do boletim epidemiológico desta terça-feira (12) mostra que o número de infectados subiu para 53.

São Gabriel da Cachoeira

O município de São Gabriel da Cachoeira, a 852 Km de Manaus, adotou o “lockdown” como medida de prevenção à Covid-19 ao assinar o decreto na sexta-feira (8). O boletim desta terça-feira (12) apontou que o local possui 137 casos de infectados e 10 óbitos.

O decreto mostra que ficam suspensas, entre os dias 9 a 19 de maio deste ano, das 15 as 6h do dia seguinte, a circulação e aglomeração de pessoas em vias públicas, além de estabelecimentos comerciais e instituições bancárias e lotéricas. A compra de alimentos, medicamentos, limpeza e higiene pessoal devem ser feitas das 6h às 15.

A proibição não se aplica, também, aos trabalhadores com missão de prestar serviços públicos essenciais, tais como, fornecimento de energia elétrica, água, telefone e internet. Aos advogados que estiverem acompanhando eventuais constituintes junto as autoridades policias.

Matéria completa: G1 Amazonas https://glo.bo/2SZm0NM

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

Governadores acertam cota extra da vacina para o Amazonas

Avatar

Publicado

em

Por

Governadores de pelo menos 22 estados acertaram na noite da quinta-feira (21) o repasse para o Amazonas de uma cota extra das vacinas que devem receber nos próximos dias.

Nesta sexta-feira (22), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) deve liberar o uso emergencial de mais 4,8 milhões de doses da Coronavac, e 2 milhões de doses da vacina da Astrazeneca devem chegar ao país.

O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), participou da reunião de um grupo de trabalho que discute o colapso do sistema de saúde em Manaus e defendeu junto aos governadores, por meio do grupo no WhatsApp, que o Amazonas receba uma parte maior dessas novas doses, devido à “transmissibilidade alta” de casos e à gravidade da situação.

A proposta, segundo Dias explicou ao blog, é que o Amazonas fique com 5% do total de novas doses e os demais estados façam o rateio proporcional do restante.

Fonte: G1

Continue lendo

Amazonas

Grupo de torcedores é preso após descumprir toque de recolher em Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

Sessenta e três pessoas foram presas pela polícia por estarem assistindo jogo do campeonato brasileiro em cinco bares que estavam funcionando clandestinamente no bairro Jorge Teixeira, na zona leste de Manaus (AM), na noite desta quinta-feira (21).

As prisões ocorreram porque o grupo estava descumprindo o decreto do governo do Amazonas que proíbe a circulação e aglomeração de pessoas, entre o período das 19h e 6h até o próximo dia 31, para conter a pandemia do novo coronavírus no estado.

Entre os presos, estão pelo menos cinco proprietários dos estabelecimentos comerciais. Os estabelecimentos estavam passando na televisão o jogo entre o Flamengo e o Palmeiras. A partida terminou com o placar de 2×0.

O grupo foi preso em uma ação conjunta entre as polícias Civil e Militar do Amazonas. As forças de segurança receberam uma denúncia anônima informando que os cinco bares estavam funcionando com as portas fechadas para driblar a fiscalização.

Continue lendo

Amazonas

Dupla morre após confronto com a PM no Cemitério dos Índios

Avatar

Publicado

em

Por

Dois suspeitos, ainda não identificados, foram mortos a tiros após entrarem em confronto com a polícia. O caso aconteceu na tarde desta quarta-feira (20), na comunidade Cemitério dos Índios, bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus.

De acordo com as autoridades, uma equipe da Força Tática, da Polícia Militar, realizava patrulhamento de rotina na comunidade, por volta das 17h30, quando foi informada por um morador da área que haviam dois homens armados dentro do Cemitério dos Índios.

Já no local indicado pelo popular, a equipe policial avistou os dois suspeitos com armas em punho, em plena luz do dia. Na ocasião, a dupla tentou fugir por uma área de mata, mas foi perseguida pelos agentes.

Segundo a polícia, os bandidos começaram a atirar contra a equipe da Força Tática, que revidou e conseguiu atingi-los.

Os dois suspeitos baleados ainda foram socorridos pelas autoridades e levados para a unidade do Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Galiléia, mas não resistiram e morreram.

Os corpos dos homens foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML). A Polícia Civil deve investigar o caso.

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus