Conecte-se conosco

Manaus

Seap impede novo arremesso de produtos ilegais para o Compaj

Avatar

Publicado

em

O Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) foi alvo de nova tentativa de arremesso de produtos ilegais na madrugada desta sexta-feira (19). Essa é a segunda ocorrência registrada pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) em apenas oito dias.

A segurança armada efetuou disparos no momento em que um homem se preparava para lançar um pacote em direção à unidade prisional. Ele conseguiu fugir.

Imediatamente, policiais da Companhia Independente de Policiamento com Cães da Polícia Militar do Amazonas realizaram rondas na área de mata ao redor do Compaj e encontraram o pacote. No interior dele, foram encontradas 14 serras para cortar ferro, duas caixas de resina de epóxi e 23 chips de telefonia celular.

“Mais uma vez, a Seap impede a ação de grupos criminosos que tentam burlar a segurança de nossas unidades prisionais. Estamos vigilantes para combater toda e qualquer ação”, disse o secretário da Seap, coronel Vinícius Almeida.

O material apreendido será apresentado ao Distrito Integrado de Polícia (DIP) para as providências cabíveis.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Neto exuma corpo da avó, dança na rua e avisa que vai para hospital doar órgãos para ressuscitar a idosa

Avatar

Publicado

em

Por

Na madrugada desta quinta-feira (2), um homem de 32 anos desenterrou o corpo da avó, uma idosa de 61 anos. Segundo informações, o neto quebrou o túmulo, retirou o corpo da sepultura, colocou nos ombros e saiu caminhando pela rua. Depois dele ser visto dançando com o cadáver no meio de uma via, a polícia informou que o homem queria levá-lo até o hospital para que pudesse doar os próprios órgãos e trazer a avó de volta à vida.

A idosa morreu em 2018 e estava enterrada no cemitério Morro da Liberdade, na Zona Sul da capital. De acordo com informações da 2ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), familiares informaram que o homem possui problemas psiquiátricos e costuma ir até o cemitério para conversar com a avó e outros parentes enterrados no local.

“Ele estava completamente transtornado e dizia o tempo todo que queria fazer na avó um transplante para trazê-la de volta à vida porque sentia muita saudade. Ele disse que iria doar todos os seus órgãos a ela”, afirma o tenente Paulo Araújo, da 2ª Cicom.

O rapaz caminhou do cemitério com a avó até uma área conhecida como Beco dos Pretos, no Centro de Manaus. Moradores da região avistaram o homem dançando abraçado ao cadáver e acionaram a polícia. Ele chegou a ser amarrado a um poste por moradores e familiares, para que pudesse ser contido.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, testemunhas informaram que o homem já havia tentado retirar o cadáver da avó do cemitério em outras ocasiões.

“Recebemos o chamado e acionamos uma viatura. Ao chegar no local, o rapaz foi encontrado amarrado. O cadáver estava no chão. Familiares informaram que ele tem um laudo médico informando que ele tem transtornos mentais e ele tinha interesse em resgatar, além da avó, outros familiares”, contou.

O caso foi encaminhado ao 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas o delegado plantonista, que preferiu não se identificar, disse que o homem não tinha condições de ser ouvido. Ele foi levado ao Pronto-Socorro 28 de Agosto para receber atendimento médico.

Assim que ele receber alta, deve retomar à delegacia para prestar depoimento. De acordo com o delegado, se comprovado o transtorno psiquiátrico, o homem não deve ser responsabilizado.

“Ele não é passível de responsabilidade penal porque um dos requisitos para isso é a culpabilidade. O indivíduo em questão não tem essa condição de receber uma sanção penal. Talvez receba uma medida de segurança”, disse.

Ainda segundo o delegado, o homem não possui passagem ou antecedentes criminais. A polícia informou que o corpo da idosa foi devolvido à sepultura.

Fonte: G1

Continue lendo

Destaque

Estudo estima que Manaus será primeira cidade brasileira a ‘vencer’ novo coronavírus

Avatar

Publicado

em

Por

A décima edição do boletim do projeto Atlas ODS Amazonas, do Centro de Ciências do Ambiente da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), prevê que Manaus será a primeira cidade do Brasil a “vencer” o novo coronavírus. De acordo com o estudo, a transição para uma última fase da pandemia está acontecendo mais cedo na capital do Amazonas do que em outros epicentros do país, pois os dados projetam uma redução drástica na velocidade de mortes na cidade, após população passar por interação massiva com a Covid-19.

Em Manaus, o sistema público de saúde entrou em colapso entre os meses de abril e maio por conta do alto número de doentes infectados com a Covid-19. A capital amazonense, que está entre as seis do País com mais de mil mortos pela doença, chegou a enterrar caixões empilhados por conta da grande quantidade de mortes, que atingiu uma média histórica no mês de abril. Naquele mês, caixões do maior cemitério público de Manaus passaram a ser enterrados em valas comuns, medida que continua sendo aplicada enquanto o comportante da Covid-19 é observado.

O coordenador do projeto Atlas ODS Amazonas, professor Henrique dos Santos Pereira, explicou em coletiva de imprensa online, nesta quinta-feira (11), que os pesquisadores observaram que a redução na velocidade de mortes na cidade aconteceu de maneira mais rápida por Manaus já ter apresentado elevadas taxas de mortalidade e letalidade. Isto, segundo o estudo, resultou na diminuição da velocidade de óbitos mais rápida e precoce do que a de casos.

O fenômeno de diminuição da velocidade de mortes em Manaus se deu devido à um processo chamado de “trade-off” de transmissão do vírus. O processo aconteceu devido a interação massiva da população hospedeira com a Covid-19, de acordo com o levantamento feito na décima edição do Atlas ODS.

Para a última fase da pandemia, que Manaus está próxima de viver, segundo o professor Henrique dos Santos Pereira, a estimativa é de que haja uma redução lenta na velocidade de casos do novo coronavírus, enquanto a mortalidade deverá ter uma redução drástica e chegar a quase zero.

Matéria completa: G1 Amazonas https://glo.bo/3hjrH3I

Continue lendo

Destaque

Veja que volta a funcionar no 1º dia de reabertura gradual do comércio em Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

O primeiro ciclo do plano de reabertura do comércio em Manaus tem início nesta segunda-feira (1º), em Manaus. O plano de reabertura gradual do comércio de atividades não essenciais foi anunciado pelo Governo do Amazonas na quarta-feira (27) e irá acontecer por ciclos. A flexibilização acontece, segundo o Governo, após redução no avanço da Covid-19.

Os casos confirmados do novo coronavírus no Amazonas ultrapassaram 40,5 mil, com mais de 2 mil mortes, segundo o último boletim epidemiológico divulgado pela Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), no sábado (30). O Amazonas é o quarto estado do país com o maior número de infectados e o sexto no número de mortos.

O governo informou que o plano de retomada das atividades não essenciais foi definido a partir do mapeamento e análise de indicadores da evolução da pandemia, como disponibilidade de leitos, taxa de transmissão e óbitos em Manaus que, segundo o governo, estão reduzindo.

O plano de reabertura prevê quatro ciclos: o primeiro a partir de 1⁰ de junho; o segundo em 15 de junho; o terceiro em 29 de junho e o quarto a partir de 6 de julho. De acordo com o governo, o avanço para cada etapa do ciclo dependerá da curva de casos do novo coronavírus na capital.

O plano de reabertura considera, também, as medidas de prevenção contra o novo coronavírus, que devem ser mantidas. Outra determinação é quanto aos shoppings, que poderão abrir com uma lotação de no máximo 50%.

“Lojas que estão nesse primeiro ciclo, elas vão poder abrir dentro dos shoppings centers. Segue o mesmo padrão de lojas. Eles não vão abrir com todas as lojas funcionando. Ele vai abrir com parte das lojas funcionando”, disse o secretário de Planejamento, Jorio Filho.

Confira as áreas do comércio que voltam a funcionar nesta segunda-feira (1º):

1º ciclo – 1 de junho (grupos de risco não retornam)

  • Igrejas e templos (30% de ocupação, com eventos de 01 hora de duração e intervalo de, no mínimo, 05 horas entre um vento e outro)
  • Lojas de artigos esportivos e bicicletas (venda e reparo)
  • Lojas de artigos para casa
  • Lojas de vestuário, acessórios e calçados
  • Lojas de móveis e colchões
  • Atendimento presencial, médico e odontológico, sujeito a agendamento prévio
  • Joalherias e relojoarias
  • Comércio de artigos médicos e ortopédicos
  • Serviços de publicidade e afins
  • Petshops
  • Lojas de variedades
  • Agências de turismo
  • Concessionárias e revendas de veículos em geral
  • Óticas
  • Floriculturas
  • Bancas de revista em logradouros público

Matéria completa: G1 Amazonas https://glo.bo/2MkkPVm

Continue lendo
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus