Conecte-se conosco

Brasil

Seppir se reúne com PUC-Rio para apurar casos de racismo

Avatar

Publicado

em

PUC-Rio

O Ministério dos Direitos Humanos por meio da Secretaria Nacional de Politicas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) solicitou agenda institucional com a Reitoria da Pontífice Universidade Católica (PUC-Rio), nesta quinta-feira (7), para apurar os crimes de racismo ocorridos na instituição no último final de semana.

O Secretário Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Juvenal Araújo, pedirá esclarecimentos sobre os casos de racismo praticados pela torcida da PUC-Rio ocorridos durante os Jogos Jurídicos em Petrópolis. A reunião será acompanhada pela Secretaria de Direitos Humanos, Justiça e Cidadania do Rio de Janeiro.

Segundo relatos divulgados em redes sociais, alunos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Universidade Federal Fluminense (UFF) e da Universidade Católica de Petrópolis (UCP) foram os principais alvos.

Outros dois casos de racismo também foram praticados anteriormente por torcedores/alunos da PUC-Rio. No primeiro, uma casca de banana foi jogada na quadra de esportes contra um atleta negro; no segundo caso, uma aluna foi chamada de macaca, fazendo com que os coletivos negros Patrice Lumumba (Uerj), Caó (UFF) e Cláudia Silva Ferreira (UFRJ – FND), cobrassem uma medida mais efetiva.

Além da retirada do título de campeão geral da competição, a suspensão de um ano e a não participação nos próximos Jogos Jurídicos, os representantes do movimento negro das instituições pedem a identificação dos autores dos crimes.

“Nossos canais de denúncia – Disque 100 e Proteja Brasil – estão a inteira disposição da sociedade para o registro dessas e de outras violações de direitos. Ainda estamos longe do ideal de respeito à cultura afro-brasileira, mas vamos intensificar nossas ações a fim de eliminar a chaga do racismo que lamentavelmente persiste em nossa sociedade”, destacou o Ministro dos direitos Humanos, Gustavo Rocha.

Repúdio

Em total apoio aos alunos ofendidos e repúdio as tais violações de direitos, a Seppir que tem como objetivo formular, coordenar e articular políticas e diretrizes para a promoção da igualdade racial, torna público seu compromisso institucional com a juventude negra.

Juvenal Araújo acredita que o mais grave se configura na postura passiva da reitoria em não apurar os atos anteriores e na punição avaliada meramente como simbólica, visto não estar a altura do crime cometido.

“Todos os crimes de racismo devem ser punidos com penas que sirvam de medida reparatória e exemplar para toda sociedade brasileira”, frisou Araújo.

O Ministério dos Direitos Humanos por meio da Seppir é o órgão que realiza o monitoramento das políticas públicas de promoção da igualdade racial para jovens negros e negras, com o objetivo de fomentar as oportunidades de inclusão social, autonomia e desconstrução da cultura de violência.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

Ministro Pazuello informou que até 1,5 mil pacientes devem ser transferidos do Amazonas

Avatar

Publicado

em

Por

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou nesta terça-feira, em Manaus, que o governo deve remover 1,5 mil pacientes com Covid-19 do Amazonas para outros estados para receber tratamento médico. O número é seis vezes maior do que o objetivo inicial, que era transferir 235 pessoas.

Ao lado do governador do Amazonas Wilson Lima, ele fez um pronunciamento durante a inauguração do hospital de campanha, que vai funcionar no complexo Nilton Lins. Desde que chegou a Manaus, na noite de sábado (23), o ministro não tinha cumprido nenhuma agenda pública e, após o evento desta terça, foi embora sem responder perguntas dos jornalistas. De acordo com o Ministério da Saúde, ele ficará no estado do Amazonas pelo “tempo que for necessário”.

Continue lendo

Amazonas

Determinado restrição de veículos pesados na Br-319

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Ueslei Marcelino/Reuters

Uma portaria Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), publicada no Diário Oficial, nesta terça-feira (26), determina uma série de restrições na circulação de veículos de cargas e de passageiros na BR-319, rodovia que liga Manaus a Porto Velho. A estrada é conhecida pelas péssimas condições (leia mais abaixo).

Entre os meses de junho e novembro, a circulação de veículos de carga e de passageiros com peso acima de 23 toneladas fica proibida. Já entre os meses de dezembro e maio, a restrição é para veículos com capacidade de peso acima de 17 toneladas.

O objetivo é manter a circulação segura entre os municípios situados à margem da rodovia, especialmente no trecho entre Careiro da Várzea (AM) (altura do km 13) e o entroncamento com a BR-230, no sentido Humaitá (AM) (altura do km 679).

Fonte: G1

Continue lendo

Brasil

Acidente com ônibus na BR-376 em Guaratuba deixa 21 mortos e 33 feridos

Avatar

Publicado

em

Por

Um acidente com um ônibus na BR-376, em Guaratuba, no litoral do Paraná, deixou 21 mortos na manhã desta segunda-feira (25), de acordo com o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA).

Segundo a polícia, 33 pessoas foram socorridas feridas, sendo sete delas em estado grave e seis com ferimentos moderados.

O acidente aconteceu na altura do km 668, no trecho conhecido como Curva da Santa, por volta das 8h30, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

De acordo com o capitão do Corpo de Bombeiros Ícaro Grenert, que participou dos resgates, as informações preliminares dão conta que o ônibus saiu sozinho da pista, sem se chocar em outro veículo.

“A gente não tem como falar se foi uma falha mecânica ou o que aconteceu. Ele caiu na ribanceira. Felizmente ele não caiu rio abaixo, que dá pelo menos 50 metros, então esse número de óbitos seria bem mais significativos”, disse o socorrista.

Fonte: G1

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus