Home Brasil Técnicos ambientais participam de capacitação do Programa Arpa, no Rio de Janeiro

Técnicos ambientais participam de capacitação do Programa Arpa, no Rio de Janeiro

0
0

Colaboradores do projeto Fortalecendo a Consolidação do Sistema Estadual de Unidade de Conservação do Amazonas estarão participando, até esta sexta-feira (24), de um curso sobre procedimentos do Programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa), diretamente voltado para os gestores de Unidades de Conservação (UC). A capacitação é realizada na sede do Fundo Brasileiro para Biodiversidade (Funbio), no Rio de Janeiro.

O curso é promovido pelo Funbio e visa fortalecer a atuação do trabalho nas áreas de conservação, desenvolvido pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), com apoio da Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico e Social (Aades).

De acordo com o técnico de Conservação Ambiental, Jailson Freire, a capacitação potencializa os resultados do trabalho, que tem como objetivo a promoção do desenvolvimento sustentável em UC.

“Este curso possibilitará que os gestores das UCs do Amazonas possam acessar e gerenciar os recursos do Programa Arpa, por meio dos Planos Operativos Anuais, de forma mais eficiente e transparente aos doadores do Funbio. Ele potencializa ainda a efetividade das ações da gestão das Unidades de Conservação”, ressaltou.

Conservação ambiental – O Governo do Estado do Amazonas, por meio da Sema, é responsável pela gestão de 42 unidades de conservação, sendo oito de proteção integral e 34 de uso sustentável, totalizando 18.907.378,34 hectares de floresta legalmente protegidos. Com auxílio do projeto Aades, a Sema tem apoio de corpo técnico para ampliar as ações de proteção e conservação da vegetação nativa.

*Com informações da assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

FVS-AM alerta para notícia falsa de superbactéria contraída por ingestão de açaí em Manaus

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) esclarece que não há registro de ób…