Conecte-se conosco

Política

Temer diz que todos aplaudirão as reformas de seu governo

Avatar

Publicado

em

Em cerimônia no Palácio do Planalto para a entrega do Cartão Reforma, programa que subsidia a compra de materiais de construção destinados à reforma de imóveis, o presidente Michel Temer disse que “todos irão aplaudir” as reformas que seu governo vem implantando.

O presidente fez uma analogia entre as reformas de seu governo e a reforma de uma casa, defendendo da reforma da Previdência. “Toda vez que você faz uma reforma, a casa fica feia, suja, com areia, etc. Quando você termina, a casa está uma maravilha. Reforma é assim. Vejo que as reformas que fizemos no Brasil foram a mesma coisa. Nós vamos fazer a reforma previdenciária. A casa vai ficar barulhenta, mas vamos levar adiante. Quando a casa estiver pronta, todos irão aplaudir. Não tenho a menor dúvida desse fato”.

Ao se referir à reforma da Previdência, Temer disse que há “inverdades absolutas” sobre a reforma, dentre elas a idade mínima. “A reforma da Previdência leva em conta a idade. Mas não é para já, é para daqui a 20 anos. A cada dois anos aumenta um ano para aposentadoria. Portanto, é uma reforma muito racional, porque leva em conta os direitos daqueles em atividade”.

Afinado com o discurso de seus aliados no Congresso, Temer disse que a reforma vai cortar privilégios. “Não tem sentido o trabalhador da iniciativa privada levar um tempo mais longo para se aposentar, ou que se aposente com um valor pequeno, enquanto outros tantos servidores se aposentam com valores estratosféricos e em um tempo muito menor. Então, estamos cortando privilégios. Estamos tendo coragem de fazer isso”.

Cartão Reforma

Na solenidade, receberam os cartões, de forma simbólica, das mãos do presidente, as famílias de Luiz Santos da Silva, Maria do Socorro da Silva Rosado e Valéria Ana da Silva, de Caruaru, em Pernambuco. Cada família recebeu R$ 6 mil, em média, para utilizar em reformas na casa própria. A entrega é simbólica, porque os moradores do projeto-piloto já receberam os cartões e já começaram a usá-los.

“Um dos sonhos do pai de família é chegar em casa e ter a satisfação de ser o provedor daquela casa e também poder ver a casa arrumadinha, um cantinho agradável para gente repousar. Graças a esse programa do Cartão Reforma, estamos vendo isso acontecer”, disse Luiz Santos.

Luiz Santos, Maria do Socorro e Valéria Ana são moradores do bairro de São João da Escócia, em Caruaru. Esse bairro teve 150 moradores participantes do projeto-piloto do Cartão Reforma. Constatado o sucesso o programa, o governo vai começar a expandir a emissão de cartões para outras localidades.

No evento ocorrido nesta segunda-feira (13), o ainda ministro das Cidades, Bruno Araújo [que entregou, hoje, carta de demissão ao presidente], assinou a portaria que levará o Cartão Reforma a famílias de municípios em Pernambuco, no Rio Grande do Sul, em Alagoas, no Paraná e em Santa Catarina. Esses municípios foram bastante afetados pelas chuvas e tiveram que decretar situação de calamidade pública.

O projeto que criou o cartão reforma foi aprovado no Senado em abril e publicado no Diário Oficial no final de junho. Com ele, famílias com renda mensal de até R$ 2.811,00 têm acesso a recursos públicos subvencionados para que possam fazer reformas de suas moradias. Para participar, o beneficiário deverá ser proprietário do imóvel e morar no local onde será feita a reforma.

Araújo citou, além do Cartão Reforma, a Lei de Regularização Fundiária e o programa Minha Casa Minha Vida, este último criado ainda no governo Dilma Rousseff, como bases do que chamou de “tripé da política habitacional”. Logo após o evento, Araújo entregou o cargo ao presidente Michel Temer.

Por Agência Brasil

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

Omar propõe à Comissão de Segurança Pública da Câmara Municipal a realização de audiências públicas itinerantes

Avatar

Publicado

em

Por

A intenção do parlamentar é aproximar o novo colegiado das comunidades e debater as principais questões no âmbito da segurança pública

A implantação de audiências públicas itinerantes para ouvir as principais demandas da sociedade foi uma das sugestões feitas pelo senador Omar Aziz (PSD) aos membros da Comissão Técnica Permanente de Segurança Pública Municipal (COMSEGPM), da Câmara Municipal de Manaus (CMM), durante reunião, nesta quinta-feira, 15/04. Participaram do encontro, o presidente do colegiado, vereador Capitão Carpê (Republicanos), e os também membros, vereadores Dr. Eduardo Assis (Avante), Lissandro Breval (Avante) e William Alemão (Cidadania).

A comissão, que foi instalada no último dia 12 deste mês e que altera o Regimento Interno da CMM, tratará do combate à violência e à insegurança, em Manaus, bem como da reestruturação e a criação de um plano de carreiras para a Guarda Municipal. O novo colegiado possui 14 membros, dos quais sete são titulares e sete são suplentes.

De acordo com o Senador Omar, é importante que a comissão promova audiências públicas itinerantes com as comunidades e representantes locais nos bairros, para ouvir quais são as principais demandas, sugestões e insatisfações em cada zona da cidade. “A atividade fim de vocês (comissão) é nos bairros, é lá onde estão os problemas. Lá que vocês vão debater com a população e líderes locais o que é possível ser feito para tentar mitigar a sensação de insegurança que se espalhou pela cidade. Eu me coloco a disposição para ajudar no que for preciso”.

O parlamentar também destacou que poderá destinar emendas para compra de armamentos e viaturas. Omar também apoiou a intenção do colegiado de fortalecer e ampliar a Guarda Municipal.

O presidente da comissão, vereador Capitão Carpê, afirmou que o encontro com o senador Omar foi uma visita cordial com o intuito de estreitar as relações com o parlamentar, devido às articulações que o senador tem no âmbito federal, bem como por ser o presidente da Comissão de Segurança Pública (CSP) do Senado. “Viemos colocar a comissão à disposição (do senador), para que juntos possamos garantir mais recursos e trabalhar em prol de Manaus”.

O vereador ressaltou, ainda, que a comissão da CMM trabalhará para desenvolver políticas públicas voltadas para a prevenção e combate à violência dentro das comunidades. “Segurança pública vai muito além do que é repressão. Nós não vemos hoje, por exemplo, jovens e crianças com projetos sociais voltados para a comunidade. Enquanto o Estado se faz ausente, infelizmente, o crime impera e se faz presente”.

Informações assessoria de comunicação

Continue lendo

Amazonas

Vereador Capitão Carpê solicita que o cartão “Nossa Merenda” seja definitivo para os alunos da rede municipal 

Avatar

Publicado

em

Por

O vereador Capitão Carpê Andrade (Republicanos) enviou ofício ao prefeito de Manaus, David Almeida (Avante) solicitando a transformação do cartão “Nossa Merenda” que atendeu de forma provisória e temporária os alunos da rede pública municipal para definitivo.

“O benefício vai suprir as despesas básicas essências como, alimentação. A pandemia vai passar, vai chegar esse momento. Não podemos pagar um valor agora, e esquecer, esses estudantes precisam continuar sendo assistidos. Se faz necessário manter esse cartão, a nossa prioridade é a sociedade”, afirmou o vereador.

O cartão “Nossa Merenda” faz parte do auxílio de segurança alimentar, destinados aos alunos da rede pública municipal mais vulnerável economicamente. O cartão beneficiou 240 mil alunos, com valor de R$ 150 reais divididos em 3x parcelas de 50 reais.

Foto: Raquel Catão

Informações Assessoria de Comunicação

Continue lendo

Amazonas

Após assalto, cinegrafista persegue ladrões em moto e é baleado em Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

O cinegrafista Renê Silva, de 45 anos, foi baleado após perseguir ladrões que assaltaram a equipe de reportagem, no bairro Coroado, Zona Leste de Manaus. Ele foi atingido por dois tiros e está internado.

Segundo a jornalista Natasha Pinto, que acompanhava o cinegrafista, a equipe foi fazer uma gravação em uma quadra do bairro Coroado sobre um caso de tentativa de homicídio que ocorreu na noite de quarta-feira (14). Após a gravação, ao tentarem retornar para o carro, os jornalistas foram abordados por dois assaltantes em uma motocicleta.

Os suspeitos fugiram e levaram dois celulares. Com um celular reserva, a repórter avisou a produção do jornal. A equipe de reportagem deixou o local, e o cinegrafista, que também dirige o carro, avistou a dupla de assaltantes próximo ao Clube do Trabalhador, o Sesi.

A repórter disse que tentou anotar a placa da motocicleta, mas percebeu que o cinegrafista acelerou e jogou o carro para cima dos assaltantes, que caíram em via pública.

Ela relatou que o cinegrafista saiu do carro para tentar pegar os assaltantes, entrou em luta corporal, mas um deles atirou. O cinegrafista foi então atingido por dois tiros. A repórter disse que, ao ouvir os disparos, se escondeu atrás do carro.

Os assaltantes fugiram com os celulares da equipe, que acionou a polícia e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, mas as equipes de socorro não compareceram ao local.

Um motorista que passava pela via ajudou a repórter a levar o cinegrafista até o Hospital João Lúcio.

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus