Conecte-se conosco

Cidades

Terceiro abrigo de refugiados Venezuelanos será inaugurado em Manaus

Avatar

Publicado

em

Nesta sexta-feira (04) será inaugurada a Casa de Acolhida Santa Catarina, no conjunto Jardim Petrópolis, zona norte de Manaus. O abrigo receberá 126 refugiados da Venezuela que viviam em situação de risco no Estado de Roraima,  na capital do estado Boa Vista e na cidade de Pacaraima.

A solenidade tem início às 19 h e 30 min com a presença do Arcebispo Dom Sérgio Castriani, o líder provincial dos Franciscanos Frei Francisco Paixão, autoridades e a sociedade em geral.

A Casa é uma das três fundadas pela arquidiocese de Manaus com parceria da Cáritas Arquidiocesana e o Acnur ( Alto comissariado das Nações Unidas para Refugiados). Os responsáveis gestão do abrigo são o pároco da Área Missionária Santa Catarina de Sena Frei Alex Assunção e o Padre Orlando( vice presidente da Cáritas Manaus) e Sebastian Roa (membro do Acnur).

Uma equipe técnica será formada por: uma coordenadora da Casa, um porteiro e um(a) Cozinheira. A equipe também contará com ajuda de voluntários tanto internos (moradores), como externos.

Um dos gestores do abrigo, Frei Alex Assunção, comentou sobre este ato de caridade e gesto concreto, o qual apresenta a função humanitária e social da Igreja Católica em relação a esta situação atual dos venezuelanos.

“Como já falei na missa de nossa padroeira, Santa Catarina de Sena, no domingo da festa, essa Casa será uma oportunidade para amarmos concretamente não só com palavras e de boca, mas com ações e de verdade (1 Jo. 3,18 – Segunda leitura)”, disse.

O pároco da Área Missionária Frei Alex também declarou o porquê da casa ser a maior de Manaus, e falou que resposta é  simples, pois  Deus         sempre pensa grande nas coisas pequenas: ‘Ele viu a pequenez de sua serva” assim lhe disse uma  Ir.Carmelita.

Uma família venezuelana oriunda da capital Caracas, chegou ao Brasil após uma longa viagem de Ônibus. No fim de 2017 Eugênia Rodriguez, Khamile Khalil e Vincenzo Augusto vieram até a Igreja de Santa Catarina de Sena pedir abrigo, pois não tinham um lugar para ficar. O Prédio que há anos deixou de ser uma escola para crianças então foi utilizado para acolher esta Família. Durante esse processo de mudança para o prédio, a mãe Eugênia Rodriguez estava grávida do seu filho mais novo, Alonso Valentino Jaimes Rodriguez.

Em entrevista a jovem Khamile Khalil (18), relatou que nos seus últimos anos na Venezuela, a situação piorou bastante, pois não havia condições para comprar comida, o nível educacional público era muito baixo. A jovem relatou que no processo de escassez de comida as pessoas roubavam umas às outras por necessidades. Também contou que não havia gasolina nos postos para o transporte público. Durante a viagem de sua família para o Brasil por meio da estrada, Khamile Khalil rezava a Deus para que não ocorresse alguma fatalidade. A rota percorrida foi a BR 174, passando pelas cidades do estado de Roraima: Pacaraima e Boa Vista.

De forma tímida a jovem declara que aprendeu a falar a língua portuguesa conversando com brasileiros.

Khamile também relatou que os processos de ocupação ocorrem de forma frequente na Venezuela, devido a crise socioeconômica e política que o povo enfrenta. A  jovem disse que possivelmente perdeu sua casa com essa situação.

Após todo essa trajetória, A família de Khamile permanece no prédio em que se tornará abrigo para 126 refugiados venezuelanos, e assume um papel importante e crucial para determinar a vida de todas essas pessoas que perderam tudo e apostam a vida nova neste país chamado Brasil.

Com informações: Portal Sátira.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

Durante a madrugada, Governo do Estado recebe oxigênio para hospitais de Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Divulgação

A Força Aérea Brasileira (FAB) desembarcou, na madrugada desta sexta-feira (15), 6 mil litros de oxigênio líquido da empresa White Martins, fornecedora do Governo do Estado. A carga, que veio de São Paulo, veio em 6 isotanques de mil litros e vai ser distribuída nos hospitais da rede estadual pela manhã.

Os insumos estão sendo transportados ao longo da semana da cidade de Guarulhos (SP) e chegarão a 22 mil metros cúbicos de oxigênio.

Uma força tarefa do Executivo Estadual e do Ministério da Saúde atua desde a semana passada em uma operação conjunta para viabilizar a chegada de oxigênio da White Martins de outros lugares. O plano mantém uma ponte aérea entre São Paulo e Manaus enquanto houver necessidade de abastecimento da rede.

Além da quantidade desta madrugada, outros 200 cilindros chegaram na terça-feira (12) e uma remessa de 150 cilindros foi entregue na última quarta-feira (13/01). Outros 25 mil metros cúbicos em isotanques também estão na programação de voos desta semana da FAB, partindo do aeroporto de Guarulhos.

Desde a última sexta-feira (08/01), a força-tarefa sob o comando da Defesa Civil do Amazonas atua no transporte de oxigênio de Belém, Brasília e Guarulhos.

Apreensões e solidariedade

Também na quinta-feira, duas operações das Forças de Segurança do Estado apreenderam cilindros de oxigênio que foram distribuídos às unidades.

Em uma delas foram apreendidos 26 cilindros carregados de oxigênio e sete vazios. As cápsulas foram distribuídas para quatro unidades de saúde da rede estadual – Hospital Beneficente Português, Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), SPA do São Raimundo e SPA do Coroado.

Numa segunda operação, à noite, foram apreendidos 45 cilindros, 28 deles carregados e 17 vazios. O material estava em uma embarcação no Porto de São Raimundo. As cápsulas foram distribuídas em sete unidades.

Solidariedade

Uma ação solidária de um grupo de amigos voluntários que adquiriram cilindros de oxigênio também ajudou a garantir o insumo em algumas unidades durante a noite.

 

*Com informações de assessoria

Continue lendo

Cidades

Enfermaria de campanha começa a ser montada no hospital Delphina Aziz

Avatar

Publicado

em

Por

Foto: Carlos Soares / SSP-AM

O Amazonas recebeu na quinta-feira (14/01) mais de 20 toneladas de material para instalação de uma enfermaria de campanha, que funcionará na área externa do Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Delphina Aziz. O trabalho é uma ação integrada entre o Governo do Estado, Governo Federal e Forças Armadas.

Os primeiros contêineres descarregados na quinta-feira continham tendas, leitos, macas, equipamentos hospitalares e instrumentos para montagem de uma miniusina de oxigênio para atender a nova estrutura.

Quando finalizada, a enfermaria de campanha contará com 60 leitos clínicos. Equipes do Exército realizam a montagem da estrutura desde a tarde de quinta-feira, com previsão de entrega no início da próxima semana.

Com a nova estrutura, o objetivo é aumentar a oferta de atendimentos na unidade de saúde, devido ao crescimento no número de internações no estado. Os leitos serão instalados em módulos de hospitais de campanha do Exército e Aeronáutica.

A estrutura dos leitos de enfermaria será disponibilizada e montada pelo Governo Federal, e a gestão dos profissionais será feita pelo Governo do Amazonas, em parceria com o Ministério da Saúde. O titular da SES-AM, Marcellus Campêlo, ressaltou o apoio do Governo Federal nas ações para reforçar os atendimentos na pandemia, classificando como fundamental.

“Essa força que estamos tendo do Ministério da Saúde, Sírio-Libanês, da Força Nacional, com as nossas equipes de saúde, vai tornar a nossa rede mais preparada, inclusive, para quando terminar esse período mais crítico da pandemia, conseguirmos ter uma rede coesa, forte e também conectada com o município de Manaus”, ressaltou Campêlo.

 

*Com informações de assessoria 

Continue lendo

Cidades

Em fim de semana, vereador Wanderley Monteiro visita comunidades que sofrem com bueiros entupidos

Avatar

Publicado

em

Por

O vereador tem aceitado convites da população para visitar as comunidades quem têm sofrido com as alagações devido à obstrução de bueiros - Foto: Divulgação

Há dez dias cumprindo seu mandato, o vereador Wanderley Monteiro (Avante) têm aceitado convites da população que o procura, por meio de suas redes sociais, para visitar as comunidades quem tem sofrido com as alagações devido à obstrução de bueiros. As demandas tem aumentado por causa das fortes chuvas desse período. (mais…)

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus