Conecte-se conosco

Polícia

Três homens presos responderam por latrocínio, cárcere privado e roubo após morte de lutadora em Manaus

Avatar

Publicado

em

Três homens presos suspeitos de matar uma lutadora de jiu jitsu de 24 anos neste domingo (27) na Zona Sul de Manaus serão indiciados por latrocínio, cárcere privado e roubo. As informações são do delegado do 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Leonardo Portela.

A vítima foi alvejada durante a própria festa de aniversário. Ela chegou a ser levada para o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, mas morreu horas depois.

Antes de chegar à lutadora, os suspeitos roubaram um carro de um motorista de aplicativo para cometer crimes na região.

De acordo com a Polícia Civil, por volta das 3h deste domingo, policiais militares receberam uma denúncia de que homens em um carro modelo Corsa cometiam assaltos pelo Japiim. Em diligência, a Polícia Militar identificou os suspeitos próximo à Avenida Tefé, na Zona Sul da capital.

No mesmo momento, a PM também recebeu a denúncia de que o trio estaria envolvido em uma tentativa de homicídio momentos antes da abordagem.

A Polícia Civil informou que os três chegaram no local onde Patrícia comemorava o aniversário, e anunciaram o assalto. Em certo momento, um dos suspeitos perguntou pela lutadora. Após ninguém responder, um deles reconheceu a vítima e efetuou três disparos na cabeça da lutadora

Os três suspeitos foram presos e levados ao 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP). Com eles, foram apreendidos objetos roubados, além de um simulacro de arma de fogo. A arma utilizada no crime não foi encontrada com o trio.

Um deles, de 33 anos, já respondia em liberdade por um homicídio ocorrido em maio de 2009. Eles permanecem na sede do 1º DIP até esta segunda-feira (28), quando serão encaminhados a uma audiência de custódia.

Fonte: G1

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

MPF processa ex-ministro Pazuello e secretário de Saúde do AM por responsabilidade na crise de oxigênio

Avatar

Publicado

em

Por

O Ministério Público Federal (MPF) no Amazonas ajuizou, nesta quarta-feira (14), ação de improbidade administrativa contra o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e o secretário estadual de Saúde do Amazonas, Marcellus Campelo, por omissão no combate à pandemia entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021, quando o Amazonas registrou colapso de oxigênio nas unidades de saúde e aumento de mortes por covid-19.

Entre 14 e 15 de janeiro, falta de oxigênio nos hospitais de Manaus levou a cidade de Manaus a um cenário de caos. Com recordes nos casos de Covid, a capital precisou enviar pacientes que dependiam do insumo para outros estados.

A ação, encaminhada à Justiça Federal no Amazonas, cita, também, três secretários do Ministério da Saúde e o coordenador do Comitê de Crise do Amazonas, Francisco Ferreira Máximo Filho.

No documento, o MPF identificou atos de improbidade administrativa em cinco situações distintas:

  • atraso e lentidão do Ministério da Saúde no envio de equipe para diagnosticar e minorar nova onda de covid-19 no Amazonas;
  • omissão no monitoramento da demanda de oxigênio medicinal e na adoção de medidas eficazes e tempestivas para evitar seu desabastecimento;
  • realização de pressão para utilização de ‘tratamento precoce’;
  • demora na adoção de medidas para transferência de pacientes que aguardavam leitos;
  • e ausência de medidas de estímulo ao isolamento social.
Continue lendo

Amazonas

Mototaxista é preso suspeito de estuprar adolescente durante corrida em Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

Polícia

A polícia prendeu, na quinta-feira (14), um mototaxista, de 18 anos, suspeito de ter abusado sexualmente de uma adolescente, de 17, em Manaus. O crime ocorreu durante uma corrida.

Policiais que realizaram a prisão cumpriram mandado de prisão preventiva por estupro contra o suspeito.

De acordo com as investigações, o caso ocorreu no dia 2 de outubro de 2020, quando a adolescente solicitou corrida. No trajeto, o suspeito desviou o caminho e seguiu para uma área de mata onde cometeu o crime.

A polícia informou que o mototaxista estava armado no momento do crime, roubou o celular da vítima, além de pertences pessoais dela.

Após o crime, a adolescente foi socorrida por populares e levada para uma unidade de saúde. Depois, foi conduzida a uma delegacia, onde registrou o caso.

Ainda durante as investigações, o rapaz foi identificado como autor do crime e foi constatado, também, que ele tem registro policial por porte ilegal de arma de fogo e roubo.

Ele será encaminhado à Central de Recebimento de Triagem, de uma unidade prisional de Manaus, onde ficará à disposição da Justiça.

Continue lendo

Destaque

Filho mata pai a facadas após discussão por corte de cabelo

Avatar

Publicado

em

Por

Um jovem identificado como João Marques da Silva, de 18 anos, matou o próprio pai, o vendedor ambulante José Maria Souza da Silva, de 38 anos, a facadas após discussão por corte de cabelo. O crime aconteceu no beco Raquel, no bairro Petrópolis, na Zona Sul de Manaus.

De acordo com informações da polícia, José queria que o filho cortasse o cabelo pois ele iria servir ao exército, mas ele se recusou. A partir daí iniciou-se uma discussão onde um empurrava o outro, até que João pegou uma facada e desferiu três golpes na barriga e um no braço do pai.

José chegou a ser socorrido pelo filho mais velho e levado ao Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, mas ele não resistiu aos ferimentos e já chegou sem vida ao atendimento.

João tentou fugir pulando muros, mas foi surpreendido por um guarda que acionou a polícia ao notar atitudes suspeitas. Ao ser preso, confessou o crime e foi levado para a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus