Conecte-se conosco

Polícia

União: PMs reivindicam e governo do AM garante pagamento da data-base e das promoções

Avatar

Publicado

em

O governador Amazonino Mendes (PDT) afirmou aos policiais militares e presidentes de associações que no próximo dia 4 de abril o Governo irá pagar 8% da data-base atrasada e também formará uma nova Comissão de Promoção de Praças (CPP) para reavaliar as promoções dos policiais de acordo com o que determina a Lei nº 4.044/14, e desconsiderar o parecer da Procuradoria Geral do Estado (PGE) que pede o fim das promoções por tempo de serviço e do Quadro Especial de Acesso (QEA). Com essas garantias os policiais encerraram a Operação Defesa na tarde desta quinta-feira (15) após 20h de paralisação de policiais na capital e no interior.

Em reunião na sede do Governo com os presidentes da Associação de Praças do Estado do Amazonas (APEAM), Gerson Feitosa; Cabos e Solados, Igo Silva; Subtenentes, Sargento Pereirinha, o governador Amazonino Mendes aceitou as pautas de reivindicações dos praças como condição para encerrar o movimento de paralisação: nenhum policial militar que participou da Operação Defesa será perseguido dentro da corporação; o governo irá pagar 8% da data-base atrasada no próximo dia 4 de abril e parcelar os 30% restante de forma ainda a ser definida; o parecer da PGE que afeta as promoções dos policiais será ignorado e todas as próximas promoções serão regidas pela lei dos praças e contemplarão os “injustiçados” (policiais com mais de 25 anos de profissão e sem promoções).

“Ninguém aqui vai sofrer injustiças no meu governo. Todos que estão aqui esperando as promoções que lhes foi negada injustamente serão promovidos. Fizeram uma lei para não ser cumprida. Representantes falsos da política que só queriam enganar a polícia. Não cumpriram a lei. Eu vou cumprir e ainda farei mais”, declarou o governador para mais de dois mil policiais.

Operação Defesa

Desde as 19h de quarta-feira (14) os policiais militares começaram uma paralisação que durou mais de 20h e chegou ao fim com a reunião realizada com o governador na sede da Associação de Cabos e Soldados (ACS) na tarde de quinta.

De acordo com o presidente da APEAM, Gerson Feitosa, mais de mil policiais militares aderiram ao movimento de faltas coletivas na capital e no interior. Em Manacapuru e Parintins a APEAM afirma que as faltas foram de 100%. Na capital o 6º DIP, na Cidade Nova, o 3º DIP, no Petrópolis, o 7º DIP, no São Lázaro, tiveram 100% de paralisação. A informação, no entanto, é contestada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) que afirmou em nota que não houve paralisação.

“O que a Secretaria de Segurança não diz é que o serviço foi feito por oficiais e por policiais da área administrativa que trabalharam o dia todo e depois foram obrigado a montar serviço na rua das 19h de quinta às 8h do dia seguinte. Hoje pela manhã nós contamos apenas quatro viaturas nas ruas de Manaus. Nenhum policial trabalhou em Manacapuru nem em Parintins”, informou Feitosa.

 

*Com informações: Tribuna do Amazonas

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

Durante perseguição assaltante é morto e outro baleado na Zona Leste de Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

Na tarde desta segunda-feira(25) ocorreu uma perseguição policial na Zona Leste de Manaus, a guarnição da 30º Companhia Interativa Comunitária (Cicom) colidiu com um veículo, modelo prisma de cor prata, que estava sendo utilizado por três assaltantes para cometer roubos na capital.

Durante a troca de tiros, dois homens foram baleados e encaminhados para o Platão Araújo por uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), um dos assaltantes morreu a caminho do Hospital e o terceiro foi detido.

Segundo informações da policia, os mesmos estavam armados e teriam roubado veículo de uma senhora durante a madrugada e outro veículo a tarde para cometer os assaltos. O caso está sendo apresentado no 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP), juntamente com os materiais apreendidos, a dona do veículo também fez o acompanhamento

Continue lendo

Amazonas

Grupo de torcedores é preso após descumprir toque de recolher em Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

Sessenta e três pessoas foram presas pela polícia por estarem assistindo jogo do campeonato brasileiro em cinco bares que estavam funcionando clandestinamente no bairro Jorge Teixeira, na zona leste de Manaus (AM), na noite desta quinta-feira (21).

As prisões ocorreram porque o grupo estava descumprindo o decreto do governo do Amazonas que proíbe a circulação e aglomeração de pessoas, entre o período das 19h e 6h até o próximo dia 31, para conter a pandemia do novo coronavírus no estado.

Entre os presos, estão pelo menos cinco proprietários dos estabelecimentos comerciais. Os estabelecimentos estavam passando na televisão o jogo entre o Flamengo e o Palmeiras. A partida terminou com o placar de 2×0.

O grupo foi preso em uma ação conjunta entre as polícias Civil e Militar do Amazonas. As forças de segurança receberam uma denúncia anônima informando que os cinco bares estavam funcionando com as portas fechadas para driblar a fiscalização.

Continue lendo

Amazonas

Dupla morre após confronto com a PM no Cemitério dos Índios

Avatar

Publicado

em

Por

Dois suspeitos, ainda não identificados, foram mortos a tiros após entrarem em confronto com a polícia. O caso aconteceu na tarde desta quarta-feira (20), na comunidade Cemitério dos Índios, bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus.

De acordo com as autoridades, uma equipe da Força Tática, da Polícia Militar, realizava patrulhamento de rotina na comunidade, por volta das 17h30, quando foi informada por um morador da área que haviam dois homens armados dentro do Cemitério dos Índios.

Já no local indicado pelo popular, a equipe policial avistou os dois suspeitos com armas em punho, em plena luz do dia. Na ocasião, a dupla tentou fugir por uma área de mata, mas foi perseguida pelos agentes.

Segundo a polícia, os bandidos começaram a atirar contra a equipe da Força Tática, que revidou e conseguiu atingi-los.

Os dois suspeitos baleados ainda foram socorridos pelas autoridades e levados para a unidade do Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Galiléia, mas não resistiram e morreram.

Os corpos dos homens foram removidos para o Instituto Médico Legal (IML). A Polícia Civil deve investigar o caso.

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus