Conecte-se conosco

Polícia

Violência: Amazonas contabiliza 17 mortes violentas em um período de cinco dias

Avatar

Publicado

em

troca de tiros

O feriado da Pátria marcou o Amazonas como um período sangrento: 17 pessoas foram mortas de forma violenta, entre os dias 5 e 9,  sendo que 15 dessas mortes aconteceram na capital. De acordo com a Polícia Civil, o tráfico de drogas teve relação direta na maioria desses crimes.

Somente neste domingo (9), cinco homens foram mortos a tiros. Dentre as vítimas, um adolescente de 16 anos foi executado. Ainda conforme a polícia, o jovem esperava a família em uma esquina próxima à sua residência, no Coroado III, zona leste, quando foi surpreendido e morto por dois homens não identificados.

Ainda na tarde de domingo, o ex-presidiário Carlos Andrei Amaral da Silva, de 29 anos, foi encontrado morto em uma casa em construção, no bairro Riacho Doce II, na Cidade Nova, zona norte. Os vizinhos contaram à Polícia Militar, que Carlos estava há dois anos em liberdade, e que respondia pelo crime de tráfico de drogas. A polícia informou que a vítima veio a óbito após ser brutalmente espancado.

Fim de semana violento

Os crimes deste último final de semana começaram na madrugada do sábado (8), quando Israel Simões de Lins, 18, e Jaqueline Larissa Alves, 25, foram alvejados com vários tiros por homens ainda não identificados. O casal caminhava em um terreno no bairro Presidente Vargas, zona sul da cidade, quando os suspeitos desceram de um carro modelo Voyage, cor prateada, e efetuaram os disparos. Segundo a PM, Israel tinha ligação com o tráfico de drogas e já vinha recebendo ameaças.

Interior da capital

Leandro Santos Campos, 40, foi encontrado morto, por volta de 12h30 deste último domingo (9), em Itacoatiara (a 269 quilômetros da capital), em uma plantação de banana. O corpo estava na zona rural do município. Testemunhas informaram que crianças avistaram um cachorro cavando no local, e quando foram verificar, localizaram a vítima.

Já por volta das 7h de sábado, o corpo de um homem não identificado, que estava em decomposição, foi encontrado amordaçado e com os pés e as mãos amarrados na comunidade rural do Matupá, em Benjamin Constant (distante 1.121 quilômetros de Manaus). Segundo moradores, um grupo de pessoas estava saindo para pescar quando sentiu um cheiro forte. Iniciaram uma busca no entorno e acabaram encontrando a vítima.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) segue investigando todos os casos citados e registrados neste último fim de semana. Dados da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) registram, até julho deste ano, cerca de 531 homicídios na capital e no interior. O mês de agosto segue desatualizado.

*Fonte: Portal Flagrante

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amazonas

MPF processa ex-ministro Pazuello e secretário de Saúde do AM por responsabilidade na crise de oxigênio

Avatar

Publicado

em

Por

O Ministério Público Federal (MPF) no Amazonas ajuizou, nesta quarta-feira (14), ação de improbidade administrativa contra o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e o secretário estadual de Saúde do Amazonas, Marcellus Campelo, por omissão no combate à pandemia entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021, quando o Amazonas registrou colapso de oxigênio nas unidades de saúde e aumento de mortes por covid-19.

Entre 14 e 15 de janeiro, falta de oxigênio nos hospitais de Manaus levou a cidade de Manaus a um cenário de caos. Com recordes nos casos de Covid, a capital precisou enviar pacientes que dependiam do insumo para outros estados.

A ação, encaminhada à Justiça Federal no Amazonas, cita, também, três secretários do Ministério da Saúde e o coordenador do Comitê de Crise do Amazonas, Francisco Ferreira Máximo Filho.

No documento, o MPF identificou atos de improbidade administrativa em cinco situações distintas:

  • atraso e lentidão do Ministério da Saúde no envio de equipe para diagnosticar e minorar nova onda de covid-19 no Amazonas;
  • omissão no monitoramento da demanda de oxigênio medicinal e na adoção de medidas eficazes e tempestivas para evitar seu desabastecimento;
  • realização de pressão para utilização de ‘tratamento precoce’;
  • demora na adoção de medidas para transferência de pacientes que aguardavam leitos;
  • e ausência de medidas de estímulo ao isolamento social.
Continue lendo

Amazonas

Mototaxista é preso suspeito de estuprar adolescente durante corrida em Manaus

Avatar

Publicado

em

Por

Polícia

A polícia prendeu, na quinta-feira (14), um mototaxista, de 18 anos, suspeito de ter abusado sexualmente de uma adolescente, de 17, em Manaus. O crime ocorreu durante uma corrida.

Policiais que realizaram a prisão cumpriram mandado de prisão preventiva por estupro contra o suspeito.

De acordo com as investigações, o caso ocorreu no dia 2 de outubro de 2020, quando a adolescente solicitou corrida. No trajeto, o suspeito desviou o caminho e seguiu para uma área de mata onde cometeu o crime.

A polícia informou que o mototaxista estava armado no momento do crime, roubou o celular da vítima, além de pertences pessoais dela.

Após o crime, a adolescente foi socorrida por populares e levada para uma unidade de saúde. Depois, foi conduzida a uma delegacia, onde registrou o caso.

Ainda durante as investigações, o rapaz foi identificado como autor do crime e foi constatado, também, que ele tem registro policial por porte ilegal de arma de fogo e roubo.

Ele será encaminhado à Central de Recebimento de Triagem, de uma unidade prisional de Manaus, onde ficará à disposição da Justiça.

Continue lendo

Destaque

Filho mata pai a facadas após discussão por corte de cabelo

Avatar

Publicado

em

Por

Um jovem identificado como João Marques da Silva, de 18 anos, matou o próprio pai, o vendedor ambulante José Maria Souza da Silva, de 38 anos, a facadas após discussão por corte de cabelo. O crime aconteceu no beco Raquel, no bairro Petrópolis, na Zona Sul de Manaus.

De acordo com informações da polícia, José queria que o filho cortasse o cabelo pois ele iria servir ao exército, mas ele se recusou. A partir daí iniciou-se uma discussão onde um empurrava o outro, até que João pegou uma facada e desferiu três golpes na barriga e um no braço do pai.

José chegou a ser socorrido pelo filho mais velho e levado ao Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, mas ele não resistiu aos ferimentos e já chegou sem vida ao atendimento.

João tentou fugir pulando muros, mas foi surpreendido por um guarda que acionou a polícia ao notar atitudes suspeitas. Ao ser preso, confessou o crime e foi levado para a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Continue lendo

Facebook

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Mais Lidas

Copyright © 2021 Portal do Minuto. Todos Direitos Reservados. Portal - Manaus